segunda-feira, 26 de setembro de 2016

Em que idade a mulher está mais suscetível ao câncer de mama?

O câncer representa um grande desafio em termos de saúde pública. Doença multifatorial, sua incidência está relacionada não somente aos fatores de risco, mas à qualidade dos serviços de saúde, às campanhas de prevenção, e, principalmente, ao envelhecimento da população. Dados do Instituto Nacional do Câncer (INCA) revelam que, no Brasil, este ano deve contabilizar quase 600 mil novos casos da doença. Metade deles, em mulheres. Uma em cada cinco pacientes com câncer terá de lidar com o diagnóstico de câncer de mama – que, depois do câncer de pele não-melanoma, é o mais comum, seguido de cólon e reto, colo do útero, pulmão e estômago.

 
Depois dos 40 anos de idade, a doença aumenta progressivamente entre as mulheres. Estudos norte-americanos indicam que a incidência mundial do câncer vem aumentando e que 12,4% das mulheres terão câncer de mama em alguma fase da vida. Embora 87,6% não tenham de lidar com a doença, a realização anual da mamografia continua sendo o método mais importante de prevenção em pacientes com mais de 40 anos. Nos Estados Unidos, o câncer de mama atinge uma em cada 28 mulheres depois dos 60 anos, uma em cada 42 mulheres depois dos 50 anos e uma em cada 68 mulheres na faixa dos 40 anos. Antes disso a doença é considerada rara, atingindo uma em cada 227 mulheres.

Fonte: Robson Pires

7 coisas sobre o câncer de pele que muitos ainda desconhecem

Para prevenir o câncer de pele devemos ter cuidado na hora de nos expormos ao sol, mas também vigiar as verrugas e manchas no corpo, prestando atenção sempre em características como cor e tamanho.

O câncer de pele se transformou em uma das grandes ameaçadas do mundo moderno e, de fato, é a variação da doença que mais é diagnosticada a cada ano.


Ela afeta em sua maioria pessoas com mais de 50 anos, ainda que também tenham ocorrido casos em indivíduos mais jovens, principalmente quando se expõem de forma contínua ao sol.


O mais comum é o do tipo melanoma, que recebe este nome porque não deixa rastros de melanoma maligno, ou seja, aquele que se produz a partir dos melanócitos.


Os fatores que mais influenciam o seu desenvolvimento são a radiação que o sol emite através dos raios UV e as mutações do DNA nas células epiteliais.


Porém, apesar de ser um dos mais comuns na população, os índices de mortalidade por seu desenvolvimento se estabilizaram e cada vez há mais facilidades para fazer um diagnóstico precoce.

Devido a isso é importante conhecer mais a fundo a doença e aprender a identificar alguns de seus sinais.

Como sabemos que alguns não sabem muito sobre seu desenvolvimento, a seguir queremos compartilhar sete detalhes relevantes.

1. A exposição ao sol aumenta o risco

 

Muitos consideram a exposição contínua ao sol como algo inofensivo, porque o máximo que se sente é um leve ardor que some com o passar dos dias.

O que a maioria ignora é que, a longo prazo, o impacto da radiação na pele altera suas células e aumenta de forma considerável o risco de desenvolver o câncer.

2. O uso de protetor solar não é o suficiente

Ainda que a aplicação de protetor solar na pele minimize os efeitos negativos do sol, seu uso regular não garante que estaremos a salvo deste tipo de câncer.

De fato, o sol é um dos fatores associados ao desenvolvimento da doença. Além dos raios UV, as toxinas, o cigarro e a má alimentação poderiam ter muita influência também.

3. Qualquer verruga pode se tornar maligna

 

A maioria dos casos de câncer de pele se desenvolve a partir de uma mancha que começa a crescer de forma anormal.

Porém, em outras circunstâncias pode surgir a partir de uma verruga pré-existente que foi invadida por células malignas.

Esta variedade é conhecida como melanoma, que não é tão frequente entre as variedades da doença mas que, infelizmente, é o tipo mais agressivo.

4. As verrugas maiores aumentam o risco

O risco de malignidade das verrugas aumenta quando elas têm um tamanho considerável e são do tipo “nevo melanocítico congênito”.

Esta variedade aparece na pessoa desde o seu nascimento e é comum que cresça com o passar dos anos.

5. As câmaras de bronzeamento podem ser perigosas

O uso contínuo de lâmpadas ou cabines de bronzeamento é um fator de risco que ninguém deve ignorar.

Apesar de parecerem uma alternativa à exposição direta ao sol, o certo é que elas também emitem um certo grau de radiação ultravioleta que pode ser perigoso.

6. Pode se desenvolver devido a uma infecção

 

Outra das possíveis causas dessa doença são as lesões e inflamações crônicas que ocorrem devido a queimaduras graves de infecções.
Se a pele que protege a parte interna do corpo apresenta uma infecção grave, o risco de se desenvolverem células malignas aumenta significativamente.

7. A regra do “ABCDE” para identificar o câncer de pele

As manchas repentinas na pele e as anormalidades nas verrugas são o sinal mais evidente para suspeitar deste tipo de câncer.


Porém, para estarmos mais convencidos disso, vale a pena considerar a popular regra do “ABCDE”:

  • A de assimetria: uma das parte da verruga ou mancha de nascimento não coincide com a outra.
  • B de borda: as bordas apresentam irregularidades e parecem anormais.
  • C de cor: a cor inclui sombras marrons e pretas, ainda que algumas vezes possam se tornar vermelhas, brancas ou azuis.
  • D de diâmetro: a verruga mede um pouco mais de 1/4 de polegada de largura (6 mm).
  • E de evolução: com o passar dos dias notam-se mudanças na forma, no tamanho e na cor da verruga.
Lembre-se de que uma das formas mais eficazes de prevenir o desenvolvimento do câncer de pele é por meio da visita anual ao seu dermatologista de confiança.

Fique atento aos sinais que considerar anormais e solicite os respectivos exames para ter mais segurança.

Fonte: Melhor com Saúde

Prepare-se para o pior: o mundo acaba em 2017, diz pastora

Fazia tempo que ninguém falava em fim do mundo, não é mesmo? Mas quando o fim do ano vai se aproximando, os caóticos de plantão parecem começar a se animar. E tudo vira motivo para a chegada do apocalipse.

Bem, novamente o centro das atenções do eventual fim do mundo é a religião. Uma pastora dos Estados Unidos usou um texto bem conhecido para falar sobre o apocalipse. Ela diz que, segundo a Bíblia, o mundo acabará em 2017.

Pois é, segundo Donna Larson nós temos mais alguns meses para aproveitar a Terra antes que “a fúria divina” nos destrua de vez. Ela diz que, mesmo que ninguém tenha percebido, o livro sagrado dá a data certinha do fim e, infelizmente para nós, ela está chegando — detector de sarcasmo ativado.

A teoria de Donna é bem simples: a Bíblia diz que o homem vai governar a Terra por 6 mil anos. A pastora fez as contas e viu que Adão, o primeiro homem criado, teria nascido 3983 anos antes de Cristo. Se fizermos uma subtração rápida, 6000 menos 3983 é igual a… 2017, isso mesmo.

Se você não está acreditando na história de Donna, parabéns então ela tem mais um argumento para tentar te convencer. A pastora cita os 70 anos da fundação de Israel e 50 anos da unificação de Jerusalém para corroborar a sua teoria apocalíptica.

“Todos esses números têm um significado forte na Bíblia: 50 é o número da unificação entre a Páscoa Judaica e o Pentecostes, 70 é o número da execução, segundo o livro de Daniel, no capítulo 9”, explica a pastora.

Mas pode ficar tranquilo por aÏ; mesmo que venha a acontecer no ano que vem, o fim do mundo teria 365 dias para dar as caras. Os crentes nessa teoria dizem que poderá vir no eclipse solar de 21 de agosto. Outros, mais otimistas, falam em 23 de setembro do ano que vem. Ou seja, teríamos mais uma entrada de primavera para comemorar.

Até que surjam novas teorias…

Yahoo / Via Josiel Dias

Garotinho comove o mundo com carta que escreveu a Obama. Texto generoso é tocante

President Obama/Facebook e Reprodução/Youtube
Alex, um garotinho de apenas 6 anos de idade que vive em Nova Iorque, nos Estados Unidos, decidiu escrever uma carta ao presidente do país. O texto, carregado de bondade e generosidade, comoveu Obama e o mundo todo. A página do presidente compartilhou um vídeo sobre a carta e a história viralizou - foram mais de 300 mil compartilhamentos no Facebook.

Menino sírio ferido e a morte do irmão

E o motivo foi o que tocou as pessoas: no texto, Alex fala sobre o menino sírio atingido em um ataque. A imagem de Omran Daqneesh, de 5 anos, ferido em Aleppo, na Síria, rodou o mundo há alguns dias. O pequeno estava em casa quando o edifício em que ele morava foi atingido durante confronto entre militares do regime sírio e os rebeldes locais pelo domínio da região. Omran sobreviveu, mas seu irmão mais velho morreu no ataque. A história, o vídeo e as fotos que mostravam o menino ferido em uma ambulância chocaram o mundo - e o pequeno Alex também.

Reprodução/AMC

Carta ao presidente Obama

No texto, Alex pede para que Obama busque Omran na Síria para que fosse morar com ele e sua família, compartilhar sua bicicleta e ensiná-lo a pedalar. Na carta ele ainda afirmou que iria apresentá-lo a Omar, um amigo sírio que estuda com Alex, e que os três poderiam brincar juntos. “Nós vamos dar a ele uma família e ele será nosso irmão”, escreveu.


Em sua conta oficial no Facebook, Obama contou que compartilhou com o mundo trechos da carta que recebeu durante uma reunião de cúpula da ONU sobre refugiados e elogiou a atitude do menino.



“Nós todos deveríamos ser mais como Alex. Imaginem como o mundo seria se fôssemos assim. Imaginem o sofrimento que poderíamos aliviar e quantas vidas poderíamos salvar”, comentou Obama.
Em vídeo feito pela Casa Branca, o presidente americano aparece visivelemente emocionado falando sobre a atitude de Alex, a criança que escreveu a carta.

Leia trecho:
Querido presidente Obama,
Lembra do menino que foi colocado em uma ambulância na Síria? Você poderia, por favor, buscá-lo e trazê-lo para a nossa casa?
Estacione na garagem ou na rua. Nós vamos estar esperando vocês com bandeiras, flores e balões.


Nós vamos dar a ele uma família e ele será nosso irmão. Catherine, minha irmã mais nova, vai pegar borboletas e vagalumes para ele.


Na minha escola, eu tenho um amigo da Síria, o Omar. Eu vou apresentá-lo ao Omar e nós podemos brincar juntos. Nós podemos convidá-lo para festas de aniversário e ele vai nos ensinar uma outra língua.


Como ele não vai trazer brinquedos e ele não tem brinquedos, Catherine vai dividir com ele o coelhinho de pelúcia azul dela. E eu vou dividir a minha bicicleta e vou ensiná-lo a pedalar. Eu vou ensinar adição e subtração(..)

Fonte: VIX - Escrito por Giovanna Mazzeo

sexta-feira, 23 de setembro de 2016

Crianças com cabeças grandes podem ser mais inteligentes, diz estudo

(Foto: Shutterstock)
Um novo estudo realizado pela instituição de pesquisa UK Biobank, do Reino Unido, mostrou que o tamanho da cabeça de bebês tem ligação com a capacidade cognitiva. Bebês com cabeças grandes são mais propensos a serem inteligentes e terem sucesso no futuros, de acordo com a pesquisa publicada na revista “Molecular Psychiatry”.


Publicidade
Meio milhão de britânicos estão sendo monitorados pela instituição para descobrir a conexão entre seus genes e sua saúde física e mental no futuro. A evidência mais recente foi a relação do tamanho da cabeça com a inteligência.
O professor que está liderando a pesquisa, Ian Deary, da Universidade de Edimburgo, na Escócia, disse que variantes genéticas também foram fortemente associadas com inteligência.


 “Foram observadas associações altamente significativas nos resultados dos testes cognitivos na amostra da UK Biobank, inclusive volume intracraniano, perímetro cefálico infantil e capacidade cognitiva na infância”, afirmou no artigo publicado na revista.

Fonte: Pais e Filhos

Ensino médio: português e matemática serão únicas obrigatórias; veja o que muda

Português e matemática serão os dois únicos componentes curriculares obrigatórios nos três anos do ensino médio, de acordo com o novo modelo para a etapa anunciado ontem(22) pelo governo. A definição está em medida provisória (MP) assinada pelo presidente Michel Temer. Atualmente, a etapa tem 13 disciplinas obrigatórias para os três anos.

A MP prevê a flexibilização do ensino médio com o objetivo de torná-lo mais atraente para o jovem, segundo o ministro da Educação, Mendonça Filho. Os componentes curriculares que deverão ser ensinados no período obrigatoriamente serão definidos na Base Nacional Comum Curricular, que começará a ser discutida no próximo mês e deverá ser definida até meados do ano que vem, segundo o Ministério da Educação.

De acordo com a medida provisória, cerca de 1,2 mil horas, metade do tempo total do ensino médio, serão destinadas ao conteúdo obrigatório definido pela Base Nacional. No restante da formação, os alunos poderão escolher seguir cinco trajetórias: linguagens, matemática, ciências da natureza, ciências humanas - modelo usado também na divisão das provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) - e formação técnica e profissional.

“O novo ensino médio tem como pressuposto principal o protagonismo do jovem. Hoje é bastante engessado. Esse modelo caminha na direção da flexibilidade”, disse Mendonça Filho.

Arte e Educação Física

O texto, que modifica a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (Lei 9.394/1996), determina o fim da obrigatoriedade do ensino de arte e de educação física no ensino médio. As disciplinas serão obrigatórias apenas no ensino infantil e fundamental.

As mudanças passarão a valer 180 dias após a publicação da Base Nacional, ou seja, não modificam o atual currículo. De acordo com o secretário de Educação Básica do Ministério da Educação, Rossieli Silva, a intenção é enxugar na lei as obrigatoriedades do ensino médio. “Agora a Base Nacional tem que dizer o que é e o que não é obrigatório nesse um ano e meio. Se eu vou definir ênfases, como eu posso ter todos os conteúdos do mundo? Se eu digo que os 13 conteúdos são obrigatórios?”, questionou.

Segundo Silva, artes e educação física, assim como conteúdos como filosofia e sociologia certamente estarão garantidos na Base Nacional Curricular Comum e poderão voltar a ser obrigatórios.

Idiomas

O inglês passa a ser a língua estrangeira obrigatória que deverá ser ensinada em todas as escolas de ensino médio. Outros idiomas podem ser ensinadas em caráter optativo.

A MP abre a possibilidade que os estados tenham mais autonomia nas decisões referentes a essa etapa da educação básica. Um sistema de ensino poderá, por exemplo, definir um sistema de crédito, no qual um aluno cursa determinados períodos e, caso deixe a escola, possa retomar o curso de onde parou e não tenha, necessariamente, que cursar um ano inteiro.

Também está previsto na MP que os créditos adquiridos pelos alunos nesse caso poderão ser aproveitados no ensino superior, após normatização do Conselho Nacional de Educação (CNE) e homologação pelo MEC. Ao entrar na universidade ou no ensino tecnológico, a trajetória escolar do aluno será considerada e ele não precisará cursar matérias que envolvem conhecimentos e competências que já possui.

Carga horária

A reforma também determina que a carga horária mínima anual da etapa deverá ser progressivamente ampliada para 1,4 mil horas, o que tornará o ensino médio integral, com 7 horas por dia.

A expectativa do MEC é que as primeiras turmas que seguirão a formação de acordo com o Novo Ensino Médio começem em 2018, após a aprovação da Base e da MP pelo Congresso Nacional. Não há prazo para que as redes de ensino se adequem às mudanças, mas o Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed) trabalha com o cronograma do Plano Nacional de Educação (PNE), que deve ser implementado até 2024.

Ensino técnico

Entre as trajetórias que os estudantes poderão escolher está a formação técnica. Os alunos serão certificados e seus itinerários formativos permitirão a continuidade dos estudos. Essa oportunidade de formação vai ocorrer dentro do programa regular, sem a necessidade de o aluno estar cursando o período integral. No ensino técnico, os alunos poderão ser certificados a cada etapa que cumprirem, recebendo uma certificação das competências adquiridas até ali.

As aulas técnicas poderão ser ministradas por profissionais com notório saber - ou seja, sem formação acadêmica específica na área que leciona -, reconhecido pelos respectivos sistemas de ensino para ministrar conteúdos afins à sua formação. “Isso não vale para os demais conteúdos, se eu tenho o ensino de filosofia, eu vou continuar tendo que ter um professor formado em filosofia, isso não muda. Vale apenas para o ensino técnico”, explicou o secretário de Educação Básica.

Resultados

A reforma do ensino médio passou a ser priorizada pelo governo depois que o Brasil não conseguiu, por dois anos consecutivos, cumprir as metas estabelecidas para essa etapa da formação. Dados do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), que mede a qualidade do ensino no país, mostram que o ensino médio é o que está em pior situação quando comparado às séries iniciais e finais da educação fundamental: a meta para 2015 era nota 4,3, mas o índice ficou em 3,7.

Atualmente, o ensino médio tem 8 milhões de alunos, número que inclui estudantes das escolas públicas e privadas. Segundo o Ministério da Educação, enquanto a taxa de abandono do ensino fundamental foi de 1,9%, a do médio chegou a 6,8%. Já a reprovação no nível fundamental é de 8,2%, frente a 11,5% no ensino médio.

FonteAgência Brasil

Por que mulheres têm mais insônia que homens

Mulheres têm maior pré-disposição à insônia do que os homens. É o que diz o mais recente estudo da Universidade de McGill, no Canadá. Isso acontece, de acordo com os pesquisadores, porque o relógio biológico delas está programado para dormir e acordar mais cedo do que suas rotinas habituais permitem.


Para chegar a essa conclusão, os pesquisadores monitoraram o sono de 26 homens e mulheres durante 36 horas de sonecas intercaladas. Eles descobriram que o ciclo de sono feminino começa muito mais cedo do que o dos homens e que elas tendem a acordar antes, também. 


“Vimos que homens e mulheres com rotinas parecidas têm uma qualidade de sono muito diferente”, contou Diane Boivin, uma das autoras da pesquisa, à revista “Proceedings of the National Academy of Sciences”. “O relógio biológico feminino está programado para acordar mais cedo e, consequentemente, dormir mais cedo.”


O estudo ainda mostra que, apesar de prejudicial aos dois sexos, trabalhar à noite traz maiores consequências à saúde das mulheres.


“Um conselho óbvio é pedir às mulheres que durmam assim que tiverem sono. Como isso é impossível, em alguns casos, a melhor solução é evitar café e bebidas alcoólicas pouco antes de se deitar”, aconselha Boivin.
Fonte: Forbes Brasil

Comer tomate ajuda a perder peso

Ainda que não acredite, a melhor forma de consumir tomate é cozinhando, já que dessa forma nosso corpo absorve melhor o licopeno, que nos ajuda a transformar as gorduras em energia.

O tomate além de ser muito saboroso, é uma das hortaliças mais consumidas em todo o mundo e o encarregado por oferecer o tom vermelho aos pratos, é muito bom para emagrecer. Este ingrediente indispensável na cozinha tem em seu interior muitas propriedades e pode ser consumido de diferentes maneiras.

O tomate: fonte de propriedades terapêuticas

Este vegetal pode ser consumido cru, em molhos, frito, em sucos, torrado, cozido ou como você preferir. É muito delicioso e por sua vez, refrescante e nutritivo. Segundo várias pesquisas, é superior a qualquer fármaco que conheçamos, já que previne o infarto e o câncer. Além disso, é bom para combater outras doenças.


É excelente para a redução do colesterol, para combater infecções, eliminar o ácido úrico, fortalecer o sistema imunológico e aliviar a dor nas articulações, ou quando há casos de artrite e artrose. Isso é confirmado por pesquisadores e também por agricultores.


Dados nutricionais do tomate

O tomate é rico em vitaminas A, B, C, PP e K; em minerais como fósforo, cálcio, zinco, magnésio, potássio, sódio e manganês; em bioflavonoides, em licopeno e tem propriedades antioxidantes. Além disso, um pedaço de tomate (médio, de 150 gramas), conta com apenas 25 calorias e 0% de colesterol, sódio e gordura saturada.


 Considere que estas vantagens do tomate podem ser aproveitadas ao consumi-lo processado e cozido, porque nosso corpo absorve melhor o licopeno se for consumido ao natural ou em sucos. Quando for comprar tomate, prefira os que estão no meio termo entre verde e vermelho, porque podem continuar amadurecendo se armazenados corretamente.


Comer tomate ajuda a perder peso?

Segundo aqueles que tentaram fazê-la, esta dieta ajuda a eliminar 2 kg em três dias e ao mesmo tempo desintoxica seu corpo. É recomendado para quem fuma, quem toma muito café, quem sofre de celulite e quem quer perder um pouco de peso. Esta dieta também serve para eliminar toxinas e evitar doenças, mas deve ser acompanhada com dois litros de água por dia, uma caminhada de uma hora e exercícios aeróbicos.


Tome um suco de tomates frescos em jejum (você pode adicionar uma folha de menta); no café da manhã, coma dois tomates fervidos com alecrim; para o almoço, salada de tomates com brotos de soja e pimentas marrons, azeite de oliva e limão; no lanche, suco de tomate fresco, para o jantar, novamente uma salada igual a do meio dia e antes de se deitar, um suco. Para quando a fome atacar, bata meio limão, uma cenoura, cinco folhas de menta, meio tomate e dois copos de água mineral.

Fonte: Melhor com Saúde

Porque Fechamos Os Olhos Para Beijar

 Saiba porque você fecha seus olhos a beijar uma pessoa

 Você já teve-se perguntando, porque fechamos o olho quando beijamos? Uma resposta para isso vem de uma pesquisa feita pela universidade de Londres, no qual diz que o corpo humano não sente muitas reações quando estamos com os olhos abertos por isso fechamos os olhos, assim, o cérebro vai sentir as reações dos beijos, por isso pessoas fecham os olhos para sentir o sentimento que ira sendo transmitido para o seu corpo naquele exato momento.


Fonte:  http://curiosidades-do-mundo.com

Você fica arrepiado quando ouve música? Isso significa que seu cérebro é especial

Goa novi/Shutterstock
O cantor sobe ao palco e, nos primeiros acordes da música, você fica todo arrepiado. Ou então, a rádio começa a tocar sua música preferida e... arrepio de novo. É uma sensação boa, né? Isto é, claro, uma resposta do seu corpo a um estímulo externo que, agora, os cientistas descobriram a causa: tudo está ligado ao fato de seu cérebro ser especial e fazer conexões diferentes que afetam a forma com que a música é processada.


A pesquisa divulgada na revista científica da Oxford mostra que o que está sendo chamado de “orgasmo da pele” não acontece com todo mundo, não. Para comprovar a tese, os cientistas acompanharam um grupo de 20 pessoas apaixonadas por música e suas reações emocionais às canções. Saiba mais sobre o estudo agora.

Arrepio ao ouvir música: estudo explica causa

Os pesquisadores da Harvard selecionaram 20 pessoas, que fizeram uma lista de suas músicas preferidas para serem exploradas na experiência. Eles chegaram a um resultado, literalmente, dividido: dez indivíduos disseram sentir arrepios e dez entraram no time dos “não-arrepiados”.


O estudo, então, foi além e detalhou como a audição de uma boa música, na opinião dos participantes, atingiria o corpo de forma que os pelinhos ficassem arrepiados.

Cérebro e suas conexões

A resposta dos pesquisadores indica que o cérebro de quem tem esse “orgasmo musical” é bem diferente de quem não tem. Isto porque, em ressonância magnética, foi identificado que os “arrepiados” têm mais fibras nervosas saindo do córtex auditivo que se ligam ao córtex insular e ao córtex pré-frontal, responsáveis pelo processamento das emoções. 


Publicidade
A descoberta aponta que a música é um elemento evolutivo para os seres humanos. Isto significa que ela tem uma função para nós, mesmo que seja apenas “esteticamente gratificante”, como consideram os cientistas. 


“Nossos resultados fornecem a primeira evidência de uma base neural das diferenças de cada indivíduo em relação ao acesso sensorial para o sistema de gratificação, e sugerem que a comunicação socio-emocional através do canal auditivo pode oferecer uma base evolutiva da música com a função de ser esteticamente gratificante em seres humanos”.


A pesquisa não identificou se as pessoas que são mais sensíveis à música nascem assim ou se acabam desenvolvendo essas conexões de acordo com as experiências musicais ao longo da vida.


Fonte: VIX - Escrito por Nathália Geraldo

Um pouco de azeite puro pode tornar sua menstruação menos dolorida: entenda

Subbotina Anna/Shutterstock
Rico em ácidos graxos monoinsaturados, o azeite é exemplo de como a gordura pode trazer benefícios à saúde, reduzindo o colesterol ruim, prevenindo doenças cardiovasculares, osteoporose, arteriosclerose, além de acelerar o metabolismo, melhorar a digestão e a aparência da pele.

Azeite alivia cólicas menstruais

Para as mulheres, o alimento ganha ainda mais uma utilidade: reduzir os incômodos das cólicas menstruais. Segundo um estudo recente, o consumo diário de azeite extra virgem é mais eficaz na redução dos sintomas das cólicas do que medicamentos tradicionais indicados para o problema.



A pesquisa, realizada com 60 mulheres entre 17 e 30, confirma com exemplos trabalhos anteriores que já indicavam que o azeite tinha poderes semelhantes ao Ibuprofeno, remédio anti-infamatório, graças a um polifenol que ajuda a suprimir a produção de uma molécula inflamatória chamada prostaglandina, assim como o medicamento.


Estudos também mostram que a capacidade do azeite extra virgem no combate a inflamações tem um efeito cumulativo, ou seja, quando consumido regularmente aumenta seu potencial de alívio da dor. 

Fonte: VIX -  Escrito por Paulo Nobuo

HOMEM MORRE VÍTIMA DE UM COICE DE JUMENTA DURANTE RELAÇÃO SEXUAL NO INTERIOR DA PB

"Deca Batalhão", como era conhecido o desempregado, Cícero Balbino da Nóbrega, contava até o dia fatídico e lamentável incidente, que levou o coice da jumenta “Mimosa” com 20 anos de idade. "Deca" residia na cidade paraibana de Patos e morreu após ser vítima digamos de um coice baixo da sua amada jumenta quando tentava manter relação sexual com a mesma.
 
 
De acordo com a polícia, o coice da jumenta atingiu prontamente as partes genitais de "Deca Batalhão" que não resistiu e veio a óbito. O fato ocorreu por trás da Igreja Santo Expedito, localizada no bairro Dona Melindra em Patos. O corpo de Cícero foi encontrado por populares sem camisa com a calça abaixada até a altura dos joelhos e a jumenta conhecida por "Mimosa" amarrada ao lado.
 
 
A polícia acredita que o animal foi amarrado durante a madrugada, mas no momento do ato sexual desferiu o coice fatal no desempregado. Seu corpo foi encaminhado para a Unidade de Medicina Legal de Patos.
Via Patu em Foco

Como falar sobre sexualidade com adolescentes

Notou que seu filho deixou de ser criança e que a nova fase, com os hormônios à flor da pele, vem acompanhada de muitos questionamentos? Consultamos uma especialista para te ajudar na hora de falar sobre sexualidade com adolescentes. Confira!


- Analise sempre quais são as dúvidas que pairam na cabeça dos seus filhos, já que de um modo geral, a curiosidade dos adolescentes é superficial, como explica Débora Pádua, fisioterapeuta uroginecológica e educadora sexual. Portanto, a dica é ouvir sobre os questionamentos para explicar somente o que eles precisam absorver;


- Ler livros sobre educação sexual pode contribuir de forma positiva durante o período da adolescência;


- “Vale lembrar que as meninas devem visitar o ginecologista após a primeira menstruação, assim como é recomendável que os meninos conheçam o urologista logo que perceberem o nascimento dos pelos pubianos. Em suma, o intuito é que os especialistas conversem com os jovens e possam acrescentar informações essenciais a respeito de métodos contraceptivos, doenças sexualmente transmissíveis (DSTs), além da importância do uso de preservativo, etc”, acrescenta.

- Débora orienta: “Quando os pais perceberem o interesse dos adolescentes pelo toque (masturbação), não devem reprimi-los. É necessário apenas dialogar e deixar claro que o conhecimento do próprio corpo é fundamental para a vida sexual futura, mas deve ser reservado, ou seja, durante os momentos que estiverem sozinhos no quarto ou no banheiro)”.


Revista Viva Saúde - *Por Kelly Miyazzato | Foto Shutterstock | Agradecimentos à Débora Pádua, fisioterapeuta uroginecológica e educadora sexual (www.deborapadua.com.br).

quinta-feira, 22 de setembro de 2016

Capitão joga refugiados cristãos ao mar para que parassem de orar

Episódio aconteceu na travessia de Marrocos para a Espanha
O capitão de um barco de refugiados está sendo julgado por ter jogado ao mar seis refugiados cristãos, o que resultou na morte deles. O motivo, segundo testemunhas, é que os homens que atravessavam do Marrocos para Espanha, oravam a Deus para que a forte tempestade parasse.

De acordo com Christian Today, o capitão Alain NB, do Camarões, pode pegar até 90 anos de prisão pelo assassinato dos refugiados nigerianos. A justiça da Espanha pede a condenação de 15 anos para cada um dos mortos.

O processo indica que o barco pilotado por Alain, que seria muçulmano, estava tendo dificuldades de atravessar o mar. Os seis refugiados cristãos começaram então a orar em voz alta, pedindo a intervenção de Deus. Um deles seria um pastor e liderou o grupo na intercessão.

O capitão os acusou de piorar a tempestade com suas orações. Juntamente com outros tripulantes, agrediu os homens antes de jogá-los ao mar, onde se afogaram. Até agora penas um corpo foi encontrado na costa de Granada.

Alain NB nega todas as acusações, em especial que o conflito tenha motivação religiosa. Seu advogado afirma que depoimentos de testemunhas são “inconsistentes”. Os promotores, no entanto, alegam que o capitão “estava ciente de que as vítimas não poderiam sobreviver e que iriam morrer, seja por afogamento, frio, ou por causa das lesões físicas que sofreram. Ele estava ciente da baixa temperatura, do mar revolto e a grande distância que estavam da costa, além da ausência de qualquer barco nas proximidades, que poderia resgatá-los”.

Segundo apontam as investigações, faziam a travessia cerca de 50 imigrantes em um barco inflável, que não tinha motor. A embarcação ficou à deriva ao largo da costa de Almería, sul da Espanha. Apenas 29 sobreviventes foram encontrados, alguns dias depois. Vários passageiros morreram ao longo da travessia por causa do mau tempo.

Os números mais recentes mostram que mais de 300.000 imigrantes já cruzaram o Mediterrâneo para a Europa em 2016. Estima-se que 3.000 morreram tentando fazer a travessia. A grande maioria são da Síria, seguidos por pessoas que fogem de guerras no Afeganistão, Iraque e Nigéria.

GospelPrime / Via Josiel Dias

quarta-feira, 21 de setembro de 2016

Prefeitura e Globo gastarão milhões de ‘indenização’ por morte de Domingos Montagner

Domingos Montagner morreu aos 54 anos
Tragédia é tragédia, e ninguém consegue prever quando acontecerá. A morte de Domingos Montagner na semana passada, vítima de afogamento no Rio São Francisco, é uma tragédia.

Mas Domingos era funcionário de uma grande empresa, estava viajando a trabalho quando morreu em um local perigoso, sem sinalização nem segurança por parte dos órgãos envolvidos.


Talvez não seja ainda a hora de caçar os responsáveis, mas a Justiça já está atrás deles.

O MPF (Ministério Público Federal) solicitou à prefeitura de Canindé de São Francisco (Sergipe) que haja uma indenização coletiva pela morte do ator.
Além de um monumento em homenagem ao artista, o MPF pede que seja construída uma escola de circo na região, arte pela qual Domingos era apaixonado. Ele veio do circo.


A ideia é que a "indenização" envolva um projeto social desse gênero na região, envolvendo a construção também de um teatro na região, que deve ganhar o nome do ator. A Justiça também quer que local do acidente seja sinalizado e volte a ter salva-vidas.


A Globo não foi envolvida pelo Ministério Público nessa questão, mas a família de Montagner já está sendo assessorada juridicamente e pode fazer um acordo com a emissora. O ator deixou mulher e três filhos pequenos.


Com contrato fixo e de longo prazo (2020), Domingos havia acabado de ser promovido para "protagonista" ao fazer a novela "Sete Vidas" e ao viver Santo dos Anjos em "Velho Chico". O ator passou a integrar o primeiro escalão de atores da emissora, onde estão os melhores salários, entre R$ 70 mil e R$ 100 mil (quando estão no ar).


A Globo está dando todo o suporte (financeiro e psicológico) à família do ator e deve honrar os pagamentos na íntegra do contrato de Domingos até o fim. Um acordo financeiro ( uma espécie de indenização) também pode ser proposto, para evitar um processo milionário, uma vez que ator estava viajando a trabalho quando morreu.


Procurada, a Globo diz que este momento tão doloroso está focada em adotar todas as medidas possíveis para confortar e apoiar os familiares do ator a enfrentar essa fatalidade, entre elas as de natureza legal.


Fonte: http://entretenimento.r7.com/blogs/keila-jimenez