segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011

Beijar é bom, mas exige cuidados

“Já beijei um, já beijei dois, já beijei três. Hoje já beijei e vou beijar mai uma vez...”. Tema de muitas músicas de carnaval, o beijo na boca parece liberado nos dias de folia. Mas, apesar de parecer uma brincadeira inocente, pode trazer problemas sérios para saúde. Em um beijo, duas pessoas trocam, em média, 250 bactérias e podem transmitir ou contrair doenças perigosas.


Gripes, infecções na garganta, meningite meningocócica, mononucleose, herpes, cáries e sífilis são exemplos de doenças que se pode contrair durante um simples beijo. No carnaval, a exposição ao sol e os longos períodos de atividade física podem fragilizar o sistema imunológico e facilitar a infecção.

Para evitar problemas bucais, não tem outro jeito, deve-se evitar o famoso “beijaço”, o ato de beijar várias pessoas num dia só. Mesmo que pareça difícil, pense em sua saúde. Lembre-se, você não sabe o que aquele deus grego ou aquela gatinha maravilhosa que conheceram no meio da pipoca faz no dia a dia.
Fonte: Boa Saúde

Mulheres se cansam do casamento mais rápido do que os homens

                                                    Foto  Getty Images


Michelle Achkar
Descobrir a fórmula para um casamento feliz é desejo de qualquer pessoa que embarque em um compromisso. Uma pesquisa realizada na Inglaterra analisou a vida de 14 mil famílias para tentar descobrir qual é a chave para o sucesso na relação, o que deixa as pessoas realizadas e quais os principais motivos de desencanto. Uma das principais descobertas é que as mulheres são as primeiras a demonstrar sinais de descontentamento no relacionamento.

O estudo patrocinado pelo Economic and Social Research Council começou em 2009 e irá coletar dados de mais de 100 mil pessoas em um total de 40 mil famílias. Confira os principais dados da primeira etapa do levantamento:

Os casais mais felizes estão casados há menos do que cinco anos. Nesse perfil, 57% das mulheres e 55% dos homens afirmaram ser "extremamente felizes".

Os parceiros sem filhos, com nível superior e com marido empregado, completam o cenário das uniões mais bem-sucedidas.

As mulheres se cansam do casamento mais rapidamente do que os homens. Depois desse período inicial de cinco anos, em média, os pesquisadores observaram um declínio no nível de satisfação feminino, muito mais acentuado do que nos homens.

Por volta dos 11 anos de união, por exemplo, quando os parceiros estão na casa dos 40 anos, em média, apenas 26% disseram ser felizes contra 33% dos homens.

A principal reclamação das mulheres em relação aos maridos é a de que eles não cumprem sua parte no compromisso.

As tarefas domésticas, desempenhadas em grande parte pelas mulheres, como lembrar datas de aniversários dos parentes, estão entre os itens apontados pelo desencanto com os parceiros. A situação é frequente mesmo se as mulheres têm carreiras que demandam longas jornadas de trabalho.

Casais que oficializaram a união demonstraram ser mais felizes do que os que apenas vivem juntos.

As mulheres gostariam que os homens fossem mais vaidosos em relação à aparência e que demonstrassem mais apoio. As entrevistadas também apontam que sentem que os maridos se acomodam na relação e esquecem que o romance é importante na vida a dois.

Terra

Merenda escolar tem pior avaliação no Norte e Nordeste

                                                        Foto ilustrativa   retirada da internet

As populações do Norte e Nordeste são as que têm a pior avaliação sobre a qualidade da merenda oferecida nas escolas brasileiras. Enquanto na média nacional 59,5% acham que a qualidade dos alimentos servidos é boa, nessas duas regiões a maior parte avalia o serviço como regular: 39,7% no Norte e 47% no Nordeste.

Os números foram apresentados hoje (28) pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) a partir de 2.773 entrevistas realizadas em novembro. O objetivo foi captar a opinião da população sobre políticas e serviços públicos na área da educação. Menos de 43% acreditam que o impacto de programas de alimentação escolar sobre o desempenho dos alunos é bom ou muito bom e 17% acham que é ruim.

No Sul e no Centro-Oeste, mais de 70% dos entrevistados disseram que a qualidade dos alimentos oferecidos é boa. Sobre a quantidade dos alimentos, mais uma vez a pior avaliação foi feita pelos nortistas e nordestinos: 52,6% e 53,6%, respectivamente, consideraram “pouca” ou “muito pouca” a quantidade de comida ofertada. No Sul do país, esse percentual é inferior a 15%. Na média nacional, a maioria (67%) avalia como suficiente a quantidade servida nas escolas.

A oferta de merenda nas escolas é responsabilidade dos estados e municípios, com apoio do governo federal. O Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae), do Ministério da Educação, repasse atualmente R$ 0,30 por aluno ao dia para custeio desse serviço. O restante deve ser complementado pelos governos estaduais e municipais.

O Ipea também avaliou a percepção sobre a distribuição de livros didáticos, ação desconhecida pela maior parte (68%) do público. Entre os quesitos conservação, conteúdo, quantidade e qualidade dos exemplares, a avaliação mais baixa foi em relação ao primeiro item: 49% consideram o estado de conservação dos livros ruim ou regular. As obras distribuídas pelo Programa Nacional do Livro Didático (PNLD), do MEC, são repostas após três anos de uso.

O Ipea também aponta o desconhecimento da sociedade em relação aos conselhos escolares, cuja função é acompanhar a gestão administrativa, financeira e pedagógica de uma unidade de ensino. Mais de 70% da população desconhecem a existência dessa instância, que deve ser composta por representantes de pais, estudantes, professores, servidores da escola e membros da comunidade local.

Da Agência Brasil

Iogurte acaba com TPM


O iogurte é muito mais que um alimento de baixa caloria. Rico em nutrientes, reduz o risco de doenças, facilita o funcionamento do intestino, fortalece os ossos e diminui os efeitos da TPM.
Obtido através da fermentação do leite, contém ainda lactobacilos — bactérias de efeito positivo. Este tipo de micro-organismo dificulta a instalação de seres causadores de doenças — o que proporciona o melhor funcionamento do organismo, previnindo doenças como gastrite, câncer, hipertensão e colesterol.

Ele pode até substituir o leite, pois contém todos os seus nutrientes e oferece maior facilidade de digestão, inclusive para quem tem intolerância à lactose. Seu efeito na melhora da TPM ocorre por causa da grande quantidade de cálcio que possui. Isso faz com que a musculatura do útero relaxe, amenizando as cólicas. Ele está sempre dentro das dietas. E para quem não sabe, o iogurte é muito mais que um alimento de baixa caloria. É um alimento funcional que reduz o risco de doenças, facilita o funcionamento intestinal, fortalece os ossos e diminui os efeitos da TPM.

Conheça outros benefícios dessa delícia:

- Ajuda na produção de anticorpos, hormônios e enzimas — importantes para o metabolismo, contribuindo para reforçar o sistema imunológico e retardar o envelhecimento.

- Contribui para o fortalecimento dos ossos e do sistema nervoso.
- A vitamina A presente no iogurte melhora a saúde da pele, da visão, das unhas e dos cabelos.
- As vitaminas do complexo B proporcionam energia e oxigenam as células.

A bebida pode ser ainda mais nutritiva se misturada a frutas, mel e cereais. Aprenda uma receita caseira:

1 litro de leite
1 envelope de  fermento lácteo
Frutas, mel e granola a gosto
Aqueça um litro de leite até o ponto de fervura. Retire do fogo e deixe esfriar até 40º (use um termômetro simples para medir). Adicione um envelope de fermento lácteo e mexa de dois a três minutos.

Despeje a mistura em um pote grande, tampe e leve-o para um local onde a temperatura possa se manter entre 40º e 43º (dentro do forno apagado, por exemplo). Aguarde entre quatro e seis horas até a completa coagulação do leite. Deixe na geladeira por, no mínimo, quatro horas e, na hora de servir, misture com frutas, mel ou granola.

Receita rápida

Abra uma caixa longa vida de leite semidesnatado ou desnatado e retire um copo da bebida. Complete a embalagem com um copo de iogurte desnatado puro e deixe na geladeira. O leite fermentará e se transformará também em iogurte.

Blog da Karlinha

domingo, 27 de fevereiro de 2011

Química usada em 'escova definitiva' pode causar câncer


As escovas "definitivas" chegaram ao exterior fazendo estragos. Nos EUA, um tratamento chamado Brazilian Blowout, que alisa os cabelos durante meses, pode ter uma química que causa câncer, segundo reportagem do jornal Daily Mail.

Com altas doses de formaldeído, substância classificada como cancerígena pela Agência de Proteção Ambiental americana, o tratamento fez vítimas entre os profissionais dos salões de beleza, que reclamaram de tosse. Já as clientes ficavam com olhos vermelhos.

As autoridades canadenses publicaram um alerta sobre possíveis riscos à saúde, enquanto o FDA, departamento que fiscaliza remédios e alimentos nos EUA, está investigando a formulação do produto.

Na Califórnia, o procurador-geral moveu uma ação alegando que o produto tem altos níveis de formaldeído e nenhum aviso sobre isso.

Por causa dos riscos, alguns salões americanos deixaram de fazer o Brazilian Blowout.


Da Agência O Globo

sábado, 26 de fevereiro de 2011

Prefeitura de Apodi abre inscrições para eleição do Conselho Tutelar


A Prefeitura do Apodi via Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente publicou edital de convocação no Diário Oficial do Estado para os apodienses que desejam se inscrever na eleição para escolha dos membros do Conselho Tutelar da cidade.

De acordo com o edital, que foi assinado pela presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, professora, Patrícia Lorena Raposo, as inscrições estão abertas para candidatos a membros do Conselho Tutelar e seus respectivos suplentes, no período de 21 a 22 de março de 2011, na Secretaria Municipal de Desenvolvimento e Assistência Social, situada a Praça São Francisco, 124, no horário de 8h às 13h. Serão escolhidos 5(cinco) membros titulares e seus respectivos suplentes, para desempenharem suas funções como conselheiro tutelar, com mandato de 03 (três) anos.

A resolução contendo às exigências para inscrição e as condições dos candidatos são: a reconhecida idoneidade moral, atestada através de certidões de cartório civil e criminal, e pela delegacia de polícia civil da cidade; ser maior de 21 anos de idade, comprovados por certidão de nascimento ou casamento; provar que reside no município, com comprovante de recibo de energia elétrica, água, telefone ou atestado de residência, fornecido por autoridade policial; concluído o Ensino Médio; ter reconhecida experiência de, no mínimo, dois anos no tratamento com criança e adolescente, nos últimos três anos, com carta de referência do local de trabalho e ter disponibilidade de tempo para assumir suas funções caso venha ser eleito.

Segundo a presidente do Condica, Patrícia Lorena Raposo, todos os candidatos serão submetidos à seleção, através de provas de Língua Portuguesa, Atualidades e Estatuto da Criança e do Adolescente. Somente aprovado na seleção o candidato apresentará a documentação exigida. É vedada a candidatura de quem possua vínculo empregatício em outro município.
O Calendário Eleitoral ficou assim definido:

Publicação dos Candidatos - 23 a 25 de março;

Período de impugnação - 29 a 31 de março;

Período de Campanha - 01 a 08 de abril;

Eleição– 09 de abril;

Posse– 25 de abril.

Os candidatos deverão obedecer aos seguintes critérios:

É proibida a propaganda por meios de anúncios luminosos, faixas, cartazes, meios de comunicação e qualquer outra propaganda que caracterize promoção individual;

Não será permitida propaganda que atinja honra e reputação dos candidatos e/ou pessoas que exerçam atividades públicas;

Igualmente deve ser respeitada toda a legislação que se refere aos crimes contra a honra. Qualquer denúncia de inobservância dos critérios previstos no edital deverá ser apresentada e devidamente comprovada, à Comissão Especial para emissão de parecer de caráter irrevogável, garantindo o direito de defesa do candidato.
Da Redação do DIARIODENATAL.COM.BR, com informações da assessoria

sexta-feira, 25 de fevereiro de 2011

Pessoas casadas são menos estressadas do que as solteiras, sugere estudo


                                           Foto ilustrativa

Quer ter menos estresse e melhor saúde? A solução pode estar no casamento, segundo recente estudo da Universidade de Chicago, nos Estados Unidos. Avaliando 500 estudantes do mestrado - 348 homens e 183 mulheres -, os pesquisadores descobriram que, submetidos a testes de estresse, os solteiros apresentavam maiores níveis de cortisol - hormônio do estresse - na saliva.

Na pesquisa, os estudantes tiveram que participar de um jogo de computador que testava seu comportamento econômico, e que eles pensavam que teria influência direta em sua carreira. E amostras de saliva indicaram que todos os participantes, principalmente as mulheres, tiveram aumento nas concentrações de cortisol após esse teste. Porém esse aumento era ainda maior nos solteiros.

“Descobrimos que indivíduos não pareados de ambos os sexos tinham altos níveis de cortisol do que os indivíduos casados”, destacou o pesquisador Dario Maestripieri, em artigo publicado na revista Stress. “Embora o casamento possa ser bem estressante, ele deve fazer com que fique mais fácil para as pessoas lidarem com outros fatores estressantes em sua vida – o que descobrimos é que o casamento tem um efeito ‘abafador’ sobre as respostas do cortisol ao estresse psicológico, e isso é muito novo”, acrescentou.

Fonte: Boa Saúde

Mamografia ajuda na identificação de segundo câncer


Mulheres que já tiveram câncer de mama são mais propensas a desenvolver a doença pela segunda vez. A única prevenção possível é a mamografia anual para detecção de um segundo nódulo. Contudo, havia poucas evidências sobre a eficiência dessa prática. Agora, novo estudo publicado no Journal of the American. 

Medical Association confirmou que a mamografia é sim capaz de detectar um segundo câncer em fase inicial.

Realizado pelo British Council of Shopping Centres ao longo de 12 anos, o estudo analisou 58.870 mamografias anuais em 19.078 mulheres que já tinham tido o câncer e o mesmo número de exames em 55.315 mulheres sem o histórico da doença.
Ao todo, foram detectados 655 casos de reincidência de câncer nas mulheres que já tinham sofrido a doença e 342 entre as que nunca haviam sido diagnosticadas com câncer. As taxas são, respectivamente, de 10,5 e 5,8 para cada 1.000 mamografias.
"A mamografia foi eficiente para encontrar cânceres em mulheres que já tinham tido câncer, mas nem tanto nas que não tinham tido", disse a Dra. Nehmat Houssami, da Universidade de Sydney, na Austrália, que participou da pesquisa. 

Boa Saúde

Para refletir: Decepções

                                                      Foto ilustrativa

Você já teve alguma decepção na vida? 

Dificilmente alguém passa pela existência sem sofrer uma desilusão, ou ter alguma surpresa desagradável em algum momento da caminhada.


Podemos dizer que o sabor de uma decepção é amargo e traz consigo um punhal invisível que dilacera as fibras mais sutis da alma. 

Isso acontece porque nós só nos decepcionamos com as pessoas em quem investimos nossos mais puros sentimentos de confiança e amor. 

Pode ser um amigo, a quem entregamos o coração e que, de um momento para outro, passa a ter um comportamento diferente, duvidando da nossa sinceridade, do nosso afeto, da nossa dedicação, da nossa lealdade... 

Também pode ser a alma que elegemos para compartilhar conosco a vida, e que um dia chega e nos diz que o amor acabou, que já não fazemos mais parte da sua história... que outra pessoa agora ocupa o nosso lugar.


Ou alguém que escolhemos como modelo digno de ser seguido e que vemos escorregando nas valas da mentira ou da traição, desdita que nos infelicita e nos arranca lágrimas quentes e doloridas, como chama que queima sem consumir. 

Enfim, só os nossos amores são capazes de nos ferir com a espada da decepção, pois os estranhos não têm esse trágico poder, já que seus atos não nos causam nenhuma impressão. 

Assim, vale a pena algumas reflexões a esse respeito para que não nos deixemos atingir pela cruel espada da desilusão. 

Para tanto, podemos começar levando em conta que, assim como nós, nossos amores também não são perfeitos. 

E que, geralmente, não nos prometem santidade ou eterna fidelidade. Nunca nos disseram que seriam eternamente a mesma pessoa e que jamais nos causariam decepções. 

Nós é que queremos que sejam como os idealizamos.
Assim nos iludimos. Mas só se desilude quem está iludido. 

Importante que pensemos bem a esse respeito, imunizando a nossa alma com o antídoto eficaz do entendimento. 

Importante que usemos sempre o escudo do perdão para impedir que os atos infelizes dos outros nos causem tanto sofrimento. 

Importante, ainda, que façamos uso dos óculos da lucidez, que nos permitem ver os fatos em sua real dimensão e importância, evitando dores exageradas. 

A ilusão é como uma névoa que nos embaraça a visão, distorcendo as imagens e os fatos que estão à nossa frente. 

E a decepção nada mais é do que perceber que se estava iludido, enganado sobre algo ou alguém. 

Assim, se você está amargando a dor de uma desilusão, agradeça a Deus por ter retirado dos seus olhos os empecilhos que lhe toldavam a visão. 

Passe a gostar das pessoas como elas são e não como você gostaria que elas fossem. 

Considere que você também já deve ter ferido alguém com o punhal da decepção, mesmo não tendo a intenção, e talvez sem se dar conta disso. 

Por todas essas razões, pense um pouco mais e espante essa tristeza do olhar... Enxugue as lágrimas e siga em frente... sem ilusões. 


Aprenda a valorizar nas pessoas suas marcas positivas. 

Lembre-se de que cada um dá o que tem, o que pode oferecer. 

Uns oferecem o ácido da traição, o engodo da hipocrisia, o fel da ingratidão, pois é o que alimentam na alma. 

Mas, seja você a cultivar em seu jardim interior as flores da lealdade, do afeto, da compreensão, da honestidade, para ofertar a todos aqueles que cruzarem o seu caminho.


Seja você alguém incapaz de ferir ou provocar sofrimentos nos seres que caminham ao seu lado.
Autor desconhecido 

A todos um ótimo final de semana !!!!!
Beijos no coração!!!

Jacinta Gama

quinta-feira, 24 de fevereiro de 2011

Estudo: homem comprometido tenta evitar a tentação de trair


Fidelidade ainda é um assunto que intriga o homem e a ciência, que busca justificativas para a traição, especialmente a masculina. De acordo com o jornal The New York Times, uma recente pesquisa realizada pela Universidade do Estado da Florida, nos Estados Unidos, tentou conseguir respostas para o comportamento masculino, distinguindo-o entre solteiros e comprometidos.

Para o estudo, uma jovem de 21 anos, sem nenhum complemento estético - maquigem, perfume ou roupa atrativa - foi inserida em um ambiente de trabalho na própria universidade onde foi desenvolvida a pesquisa. Após meses, alguns homens que trabalharam com ela foram entrevistados para dizer o quanto se sentiram atraídos pela moça. 

Comprometido

Diferente de pesquisa realizada anteriormente que apontava que o estágio fértil do ciclo menstrual da mulher atraía os homens, este estudo apontou que esta atração existe, mas depende mais do estado civil do homem: se ele está ou não em um relacionamento amoroso com alguém. Os homens que não estavam em nenhum tipo de relacionamento, segundo o resultado final, sentiam-se atraídos pela jovem. Já os outros homens que estavam envolvidos com alguém, disseram que a mulher era menos atraente nesse estágio fértil, porque, de algum modo, ela representava uma ameaça ao seu relacionamento.

A pesquisa faz parte de uma nova tendência na psicologia moderna, uma linha chamada de "manutenção de relacionamentos". Os primeiros estudos relatavam como homens e mulheres buscavam seus parceiros por meio da simetria facial, corporal e nível social. Mas as pesquisas mais atuais não param nesta definição. Uma longa relação também inclui aqueles que conseguem mantê-la fazendo seu parceiro feliz, tendo o benefício de se manter fiel ou, pelo menos, discreto com qualquer traição.

Medo de desapontar

É possivel, porém, que alguns homens tenham respondido o oposto para não desapontar sua mulher ou causar qualquer tipo de atrito. Mas Jon Maner, coautor do estudo, diz que essa não é uma desculpa, já que os homens responderam a pesquisa com privacidade e cientes de que suas respostas seriam utilizadas apenas para o estudo. "Os homens tentam se convencer de que ela não é atraente. Sinto que alguns homens chegam a acreditar no que dizem. Outros podem ter sentido aquele desejo proibido lá no fundo, mas aposto que apenas expressando sua falta de interesse já tenha ajudado que isso fosse suprimido".

Parece dificil acreditar que um homem pode distinguir uma mulher que está no estágio fértil, mas elas próprias apresentam pequenas caracteristicas que as fazem diferentes. Um dos exemplos é o tom de voz feminino, que aumenta durante esse período. E pelo instinto natural, os homens as classificam como mais atraentes devido ao seu cheiro. No final das contas, está é uma boa noticia para os entusiastas quando o assunto é fidelidade. Seja consciente ou inconscientemente, o homem tende a evitar a tentação do fruto proibido. 

Terra

                                                         

Beber álcool com moderação protege contra doenças cardíacas

                                                   Foto: Getty Images

Beber álcool com moderação pode fazer bem à saúde. Foi o que constatou uma pesquisa da Universidade de Calgary. O estudo, que fui públicado na última quarta-feira no British Medical Journal, informa que pessoas que bebem um drinque por dia, têm entre 14% e 25% menos chances de desenvolver doenças cardíacas.

A pesquisa enfatizou que não devem haver excessos, o consumo deve ser moderado, os homens devem tomar 30g de álccol e as mulher 15g por dia. Com a ingestão, os níveis do bom colesterol no sangue aumentam, prevenindo assim doenças cardíacas.

Apesar dos beneficios fica uma alerta, beber demais não oferece nenhuma proteção e pode causar hipertensão arterial. De acordo com um dos pesquisadores, o benefício do consumo de álcool deveria aparecer em campanhas de saúde publica. "Precisamos ponderar a mensagem passada ao paciente", disse Gahali em entrevista ao site inglês Daily Mail.


O levantamento divulgado foi baseado em outros 84 estudos que relaciovam o consumo de álcool com doenças cardíacas, pessoas que bebiam de maneira moderada apresentaram menor incidência de derrames e mortes decorrentes da doença.

O estudo também analizou o tipo de bebida consumida, foi constatado que o beneficio esá no álcool e não no tipo de bebida alcoólica ingerida.

Fonte:terra

Guardar a raiva pode ser mortal para pacientes cardíacos, diz estudo


As pessoas com doença cardíaca devem tomar cuidado com sua forma de lidar com os sentimentos de raiva. Segundo um novo estudo da Universidade de Tilburg, na Holanda, os pacientes que reprimem sua raiva têm quase o triplo de chances de ter um infarto ou de morrer nos próximos cinco a dez anos. 

Em estudo com 644 pacientes com doença arterial coronariana, os pesquisadores notaram que pessoas com personalidade do tipo D - propensas a sofrer de raiva e outras emoções negativas, mas com dificuldades de expressar esses sentimentos - correm mais riscos de sofrerem eventos cardíacos importantes.

De acordo com os especialistas, a raiva pode “estrangular” o fluxo sanguíneo no coração e provocar alterações no ritmo cardíaco. E há evidências de que a repressão a esses sentimentos negativos pode ser muito prejudicial ao coração. Porém, isso não significa que as explosões de raiva são as melhores formas de lidar com esse sentimento. 

“As pessoas tendem a dar vazão aos sentimentos de raiva ou guardá-los internamente, porém acredito ser importante encontrar uma solução intermediária para resolver esses sentimentos de raiva - mas de uma forma mais construtiva e adaptável”, destacou o pesquisador Johan Denollet.

Fonte: Boa Saúde

Fábio Faria afirma que prioridade do mandato será o combate ao crack

O deputado Fábio Faria (PMN-RN) anunciou que o combate ao crack será o compromisso mais importante do seu mandato parlamentar. O assunto foi uma das principais bandeiras de sua campanha eleitoral, na qual obteve cerca de 157 mil votos e foi o mais votado da sua coligação.

Fábio Faria disse que vai dedicar-se à Frente Parlamentar Mista de Combate ao Crack. “Esta é uma droga que vem destruindo várias famílias brasileiras, temos uma enorme responsabilidade em nossas mãos.” Criada em maio do ano passado, a frente chegou a unir mais de 400 deputados e agora está sendo reinstalada.

Segundo o deputado, o crack é mais do que um problema de saúde pública, porque está estreitamente ligado à violência urbana. “O dependente não consegue manter uma rotina de trabalho, nem de estudo, e passa a viver em função da droga, praticando toda e qualquer espécie de delito.”

Crimes

São mais de 70% os usuários de crack que já cometeram algum tipo de delito, seja um simples furto ou até um homicídio. “O Congresso precisa saber que estamos diante de uma epidemia nacional, que atualmente já contagia mais de 1,3 milhão de brasileiras e brasileiros”, alertou.

A resposta do Congresso, acentuou Fábio Faria, precisa ser rápida. O deputado lembrou que, no ano passado, a frente parlamentar realizou várias audiências públicas e entregou ao então presidente Lula uma carta pedindo a habilitação de todas as clínicas voluntárias existentes no País, para cuidar dos dependentes.

Essas clínicas somam mais de 3 mil, na maioria administradas por pessoas que lograram abandonar o vício, o que é muito difícil. “Precisamos fazer com que essas clínicas funcionem”, apelou Fábio Faria, defendendo a aprovação de emendas parlamentares ao Orçamento da União que permitam a ampliação dos leitos disponíveis.

Debate

Fábio Faria felicitou a presidente Dilma Rousseff por haver discutido amplamente este tema na última eleição e por ter determinado a criação de 49 centros regionais, nas universidades, para formar em um ano 15 mil profissionais capazes de oferecer atendimento e acompanhamento aos dependentes e aos seus familiares.
Esses centros, sublinhou o deputado, vão pesquisar o vício e permitir melhor combate, dimensionando a epidemia.

“Sabemos que ela é maior do que foi a de cólera, muito maior do que foi a gripe suína; é uma epidemia generalizada, que já transpôs o primeiro degrau da pirâmide, já saiu dos meninos de rua e está em toda a sociedade, em todas as classes sociais, infelizmente.”
Fonte: DN Online

quarta-feira, 23 de fevereiro de 2011

Pílula de maconha melhora o apetite e o sono de pacientes com câncer, diz estudo

                                                     Imagem ilustrativa

O consumo de um composto extraído da maconha tem efeito benéfico em pacientes com câncer que perdem o apetite e o paladar devido a tratamentos como quimioterapia, segundo estudo realizado por pesquisadores da Universidade de Alberta e Edmonton, no Canadá, e publicado na revista "Annals of Oncology".

Pessoas que sofrem de câncer perdem o apetite em decorrência da doença e dos tratamentos que afetam sentidos como paladar e olfato. Assim eles terminam comendo menos e ficam ainda mais vulneráveis ao tumor. A experiência foi realizada com apenas 21 pacientes com metástases e com a metodologia duplo-cego, na qual médicos e voluntários não sabem o que estão receitando e tomando, respectivamente. Então 11 receberam cápsulas com 2,5mg a 5mg, podendo chegar a 20mg, do princípio ativo da maconha (o tetrahidrocanabinol, o THC) durante 18 dias, e o restante tomou pílulas inativas (placebo).

Os resultados mostraram que o grupo que recebeu o THC aumentou o interesse pela comida em 73%, contra 30% do grupo controle. Além disso, 55% disseram que o paladar melhorou, o que aconteceu com 10% no grupo controle. Pelo menos 64% recuperaram o apetite. Já no grupo placebo nenhum dos pacientes teve o mesmo benefício. Os pacientes que tomaram o composto relataram ainda que passaram a dormir melhor e se sentiam mais relaxados.

- Esta é a primeira pesquisa clínica aleatória que demonstra que o THC ativa o sentido do paladar e o apetite em pacientes com tumores avançados, ao mesmo tempo que relaxa e melhora o sono. Os dados são surpreendentes - disse o professor Wendy Wismer, da Universidade de Alberta.

Agora os pesquisadores precisam fazer testes com um número maior de pacientes para confirmar os dados e saber se não há efeitos colaterais com o composto. Apesar de comerem mais proteínas, a melhora do apetite dos pacientes não significou um maior consumo de calorias, uma medida importante para melhorar a nutrição nesses casos.

Da Agência O Globo

Prefeitura leva folia para o calçadão


Apodi - A Prefeitura Municipal de Apodi mudou o local do tradicional Carnaval de Apodi. A festa antes era realizada no Centro da cidade, em frente à Igreja Matriz. Mas depois se mudou para em frente ao Muralhas Clube e agora será no Calçadão da Lagoa do Apodi. Ao todo, foram contratadas 10 bandas para animar os quatro dias de festa.

Segundo a Secretaria Municipal de Turismo, os milhares de foliões que anualmente procuram a cidade de Apodi para se divertir durante o Carnaval vão encontrar uma estrutura totalmente diferente, num local diferenciado. Aliás, o nome da festa será: "Vai ser diferente!". O Município preparou estrutura para receber pelo menos 20 mil pessoas por dia.

Apodi tem aproximadamente 35 mil habitantes e no período do Carnaval costumeiramente chega a 50 mil. Lota hotéis, pousadas e residências com pessoas que vêm de várias regiões do Rio Grande do Norte e até de outros estados. A prefeita Goreti Pinto diz que o investimento feito no período do Carnaval traz retorno financeiro ao município.

A festa realizada na BR-405 vinha causando transtorno ao tráfego de veículos pesados durante o Carnaval. Obrigando, inclusive, a Polícia Rodoviária Federal a adotar providências preventivas para evitar acidentes. Mas, conforme a Secretaria Municipal de Turismo, o tradicional arrastão foi mantido. A equipe organizadora da festa esta montando o trajeto pelas ruas da cidade.

A Assessoria de Comunicação informou também que em Apodi os hotéis estão com seus apartamentos 90% reservados, casas estão sendo alugadas. Aos foliões de outras regiões, informações sobre hospedagens podem ser obtidas pelo endereço eletrônico do Blog da Prefeitura do Apodi. http://www.apodiforte.blogspot.com ou pelo telefone (84) 3333:2123.

A folia começará no dia 4, sexta-feira, e seguirá até o dia 8, terça-feira. À noite a festa será realizada no Corredor da Folia no Calçadão da Lagoa do Apodi, já durante o dia o folião tem várias opções como a Barragem de Santa Cruz, Rio Apodi/Mossoró e clubes espalhados pela cidade e comunidades rurais. Tem para todos os gostos no quesito som.


À tarde tem o Arrastão com trio-elétrico animando os foliões pelas ruas da cidade. O trajeto está sendo definido pela Prefeitura por ruas que não vão dificultar o tráfego da BR-405. Mesmo assim, durante o período de festa, algumas ruas e avenidas ficarão fechadas para veículos, proporcionando mais tranquilidade aos foliões que quiserem brincar o Carnaval.


A segurança do evento, considerado o segundo maior do Estado, também foi motivo de muitas reuniões por parte dos organizadores e a Polícia Militar, Civil e Rodoviária Federal. Ficou definido que será feito um trabalho conjunto entre a Polícia Militar, Polícia Civil e Guarda Municipal. Serão contratados também mais de 50 seguranças particulares contratados. 

Será montado na área do Calçadão um Posto de Atendimento Médico Emergencial, que terá médicos e uma ambulância à disposição dos foliões, e um Posto Policial. Outra providência adotada pela prefeitura será a instalação de banheiros químicos. "Faremos uma grande festa, mas não podemos descuidar do bem-estar de cada pessoa que estiver no Carnaval", disse Goreti Pinto.

A prefeita lembrou da festa de réveillon, que não foi registrada nenhuma ocorrência grave e que atraiu pais e filhos em um ambiente saudável e descontraído como é o calçadão da Lagoa do Apodi. Os mais de 50 camarotes que foram colocados à venda já foram vendidos em menos de uma semana. "Estamos preparando um carnaval para que os foliões e principalmente as famílias possam festejar conosco com muita alegria", afirmou a prefeita.

Jornal de Fato

terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

Mulher diz que chegou aos 103 anos por nunca ter feito sexo


Gladys disse que nunca se casou ou teve um namorado e, por isso, conseguiu chegar aos 103 anos
Foto: The Sun/Reprodução

Já imaginou viver até os 103 anos? Mas, para isso, um sacrifício: não fazer sexo, em hipótese alguma. Nunca! É o caso de Gladys Gough. Segundo Gladys, ela nunca se importou com os relacionamentos íntimos.

A virgem ainda afirmou que nunca fumou, sequer experimentou bebida alcoólica e não tomou remédios de prescrição médica. As informações são do The Sun

Gladys disse que nunca se casou ou teve um namorado e, por isso, conseguiu chegar aos 103 anos. "Eu sempre comi o meu jantar. Eu sempre fiz questão de me alimentar bem. Homens nunca fizeram parte da minha vida", afirmou. 

A idosa, de Coventry, na Inglaterra, comentou que dedicou a vida para conhecer o mundo ao lado da irmã, Edna, que morreu em 1996, com 85 anos. E completou: "nós sempre fomos abordadas pelos homens, mas a gente preferia viajar e conversar uma com a outra". 

Fonte: Terra

MEC e UFRN oferecem cursos para professores do ensino fundamental

Estão abertas, até o dia 28 de fevereiro, as inscrições para o curso “Formação de Professores do Ensino Fundamental na Perspectiva da Inclusão Escolar: Deficiências e Transtornos Globais de Desenvolvimento”. O curso, que é coordenado pelo Departamento de Educação da UFRN em parceria com o Ministério da Educação, terá as inscrições feitas pela Plataforma Freire, do MEC, pelo endereço: http://freire.mec.gov.br/index/principal/.

O curso será aberto a todos os professores do ensino fundamental da rede pública, sendo 50 vagas destinadas aos docentes de escolas municipais e 50 para os professores de escolas estaduais. As aulas de formação, que serão ministradas no Centro de Ciências Sociais da Universidade pelos professores da UFRN, acontecerão aos sábados durante a manhã e a tarde, totalizando uma carga de 180 horas.

Da redação do DIARIODENATAL.COM.BR

Garota de 7 anos de idade ajuda a fazer o parto da irmã

A pequena estudante Lauren Burman, de 7 anos, deixou os livros de lado para ajudar não apenas no nascimento da irmã, Charley, mas, principalmente, a salvar sua vida.

Após ouvir os gritos de sua mãe, Clair, de 28 anos, que estava entrando em trabalho de parto em casa, Lauren correu para pedir socorro à vizinha, Linda, e ligar para o serviço de emergência, mas o apressado bebê já estava nascendo.

Sem médicos por perto, Lauren e Linda perceberam que o bebê tinha dificuldade para respirar porque estava com o cordão umbilical enrolado no pescoço. Calmamente, Lauren ajudou a desenrolá-lo e a limpar a boca de Charley. Segundos mais tarde, a recém-nascida suspirou e começou a respirar normalmente.

Em entrevista ao site britânico The Star, Lauren disse: “Quando Charley estiver mais velho, eu vou falar para ela como eu estava ao seu lado quando nasceu e que fui a primeira pessoa a vê-la. Vou lembrar desse dia pelo resto de minha vida. Ela é a melhor irmã que eu poderia ter.”

A mãe, orgulhosa, conta que a filha manteve a calma apesar do estresse naquele momento. “Lauren foi mais sensível do que eu, porque entrei em pânico. Ela foi fantástica e manteve a cabeça tranquila, e agradeço a Lauren por tudo ter acontecido perfeitamente”, disse. Animada, a estudante agora diz que deseja ser parteira no futuro. 
 
Fonte: Crescer

segunda-feira, 21 de fevereiro de 2011

Sexo oral causa mais câncer de garganta que cigarro e bebida, diz pesquisa


                                                    Foto: Getty Images

Michelle Achkar
O tabaco, substância presente no cigarro, e o consumo de bebidas alcoólicas sempre foram apontados como um dos principais fatores para desenvolvimento de câncer na região da garganta. Pois agora cientistas afirmam que o sexo oral ocupa o topo da lista entre os comportamentos de risco.

Pesquisa realizada pela Universidade do Estado de Ohio, nos Estados Unidos, descobriu que o vírus HPV atualmente é a principal causa da doença em pessoas com menos de 50 anos. O papiloma vírus humano pode provocar lesões de pele ou em mucosas. Existem mais de 200 variações com menores e maiores graus de perigo. Um deles é o causador de verrugas e de câncer do colo do útero, consideradas lesões pré-cancerosas.

Homens com mais de 50 anos costumavam ser as principais vítimas do câncer de garganta. Principalmente aqueles com histórico de fumo e consumo de bebida alcoólica. Mas o problema tem crescido em faixas etárias mais baixas, e dobrou nos últimos 20 anos nos Estados Unidos em homens com menos de 50 anos devido ao vírus.

Outros países como Inglaterra e Suécia também identificaram aumento da doença devido ao HPV. Na Suécia, apenas 25% dos casos tinham relação com o vírus na década de 1970 e, agora, o índice chega a 90%, de acordo com uma das pesquisadoras, a professora Maura Gillison.

Segundo ela, alguém infectado com o tipo de vírus associado ao câncer de garganta tem 14 vezes mais chances de desenvolver a doença. "O fator de risco aumenta de acordo com o número de parceiros sexuais e especialmente com aqueles com quem se praticou sexo oral", afirmou a pesquisadora.

Os resultados do levantamento vão ao encontro de outros já feitos sobre o mesmo tema, como o realizado pela Universidade Johns Hopkins, nos Estados Unidos. Realizado no ano passado, o estudo apontou que pessoas que tiveram mais do que seis parceiros com quem praticaram sexo oral tinham nove vezes mais chances de desenvolver câncer de garganta. Nos que já haviam tido algum tipo de infecção provocada pelo HPV, o risco subia para 32 vezes.

Os médicos que realizaram o levantamento sugeriram que homens também sejam vacinados contra o vírus, como é recomendado para as mulheres. Em países como Inglaterra, meninas de 12 e 13 anos recebem a vacina contra HPV e, segundo dados, previne até 90% dos casos de infecções.

No Brasil, há dois tipos de vacinas disponíveis, contra os tipos mais comuns de câncer do colo do útero, mas o governo alerta que não há evidência suficiente da eficácia da vacina, o que só poderá ser observado depois de décadas de acompanhamento. O governo também recomenda a prática de sexo seguro como a melhor maneira de se prevenir.

Fonte: Terra

Engenheiro americano inventa sutiã que abre ao som de aplausos


                                          Foto ilustrativa

Seu amor tem dificuldade em abrir seu sutiã? Não se preocupe mais! Depois de dois anos de pesquisa, o engenheiro americano Randy Sarafan inventou o Clap-Off, o primeiro sutiã que abre ao som de aplausos.

O sistema tem um dispositivo com microfone, resistores, reguladores de tensão e bateria. Mas agora que o problema deles foi resolvido, o fabricante tem que pensar em uma solução para as mocinhas, já que é inviável usar a peça em eventos como peças de teatro, festas de aniversário e shows.

Do UAI.COM.BR

domingo, 20 de fevereiro de 2011

Estudo desenvolvido no RN busca identificar o câncer de mama hereditário

                                          Foto ilustrativa

Familiares de primeiro grau de mulheres que foram diagnosticadas portadoras do câncer de mama até os 35 anos de idade podem detectar precocemente a doença antes mesmo dela se manifestar no organismo. Essa possibilidade parece distante? Engano seu, caro leitor. Há 10 meses a Liga Norteriograndense - um dos centros de referência no país quando o assunto é câncer - desenvolve o "Estabelecimento de uma rede de Aconselhamento Genético no Estado do Rio Grande do Norte", estudo que visa a detecção precoce do câncer de mama hereditário.

A pesquisa - única nas regiões Norte e Nordeste e uma das poucas no Brasil - consiste em fazer o mapeamento genético de 50 pacientes e 250 pessoas ao final de três anos, tempo total do estudo. Na prática, é o seguinte: pelo menos cinco familiares de primeiro grau de pacientes que tiveram câncer de mama até os 35 anos de idade colhem amostras de sangue e passam a ser acompanhados pela equipe multidisplinar da Liga, composta de assistente social,psicólogo, enfermeiro e mastologista. Os exames são gratuitos e devem ser repetidos sempre a cada seis meses ou quando algum membro da família notar algo estranho em uma das mamas. Todos têm cartão prioridade da Liga por fazer parte da pesquisa e, por isso, atendimento preferencial.


O estudo começou em no primeiro semestre de 2010, em parceria com a Fundação de Apoio à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Norte (Fapern). A ideia da pesquisa surgiu após a bióloga molecular Tirzah Braz apontar a necessidade do aconselhamento genético como forma de ajudar aos pacientes potiguares. A pesquisadora fez mestrado e doutorado na França e durante sua estada na Europa colaborou com laboratórios que estudavam o câncer de mama.


Atualmente, 17 pacientes fazem parte da pesquisa. O grupo de pesquisadores concluiu o mapeamento genético dos familiares de 10 desses pacientes, contudo o rastreamento feito até o momento não encontrou mutação do gene BRCA1 (câncer de mama) nessas pessoas. Tirzah explica que o aconselhamento genético é uma prática comum nos Estados Unidos e Europa e não apenas para detectar câncer, mas também para tratar e prevenir outras doenças.


O câncer de mama hereditário ocorre geralmente em mulheres pré-menopausa. Além de ser precoce, esse tipo de câncer é mais agressivo do que o diagnosticado pós-menopausa. Tirzah alerta que a característica biológica do câncer de mama hereditário é diferente do esporádico (pós-menopausa). De 5% a 10% de todos os casos de câncer de mama são hereditários. Desse total, 90% dos casos estão associados à mutações do gene BRCA1. "Pessoas com mutação nesse gene tem que ser acompanhadas porque fazem parte do grupo de risco", ressalta Tirzah.


A pesquisadora explica que existem dois procedimentos quando o gene BRCA1 é encontrado em algum familiar. Um dos métodos usados é a mastectomia preventiva que retira as duas mamas e proporciona a reconstrução imediata. O outro é a quimioprofilaxia, medicação que é usada por uma pessoa de maneira preventiva. Nesse caso é o modulador seletivo dos receptores de estrógeno (SERM). Qualquer um dos dois métodos reduz em 90% a chance da doença se desenvolver.

Câncer de mama também atinge homens

Um dos 17 pacientes que estão participando da pesquisa é do sexo masculino. Embora seja desconhecido de grande parte da população, o câncer de mama também atinge os homens. Apesar de ter sido diagnosticado como portador do câncer de mama após os 60 anos, o paciente que terá o nome preservado a pedido dos pesquisadores e será chamado na reportagem de Joaquim, foi incluso no estudo por ser pai de dois filhos e seu pai e sua avó também terem desenvolvido a doença.

A notícia de que estava com câncer de mama deixa Joaquim até hoje, quase dois anos depois, intrigado sobre a incidência da doença nos homens, porém ele afirma que fará o que for necessário para tratar a doença fará, pois quer mesmo é viver.

Com um jeito simples Joaquim respondeu sobre a questão sem titubear: "Aceito fazer e participar de qualquer coisa que a Liga encaminhar. Faço tudo porque sou muito bem tratado lá e enquanto Deus quiser estou vivendo", disse sorrindo. E completou: "Tenho dois filhos e por isso também acho importante que eles sejam tratados desde cedo. Estamos satisfeitos".

Fatores
 
Ovulação: Na década de 20 a mulher ovulava em média 50 vezes durante a vida; a mulher do século 21 ovula cerca de 400 vezes;

Dieta mal-balanceada;
Fumo e Álcool;
Estresse psicológico;
Por Erta Souza, do DIÁRIO DE NATAL

Pesquisa testa vacina contra dengue produzida com feijão



A Uece (Universidade Estadual do Ceará) está desenvolvendo o que pode vir a ser a primeira vacina de origem vegetal contra a dengue. 

O imunizador, que deverá ser testado em humanos nos próximos meses, já se mostrou eficaz em camundongos, que conseguiram produzir anticorpos contra a doença.

O feijão-de-corda (Vigna unguiculata) ou feijão-fradinho --utilizado no preparo do acarajé baiano-- serviu de base para a produção da vacina. 

Os cientistas conseguiram o feito com a inserção de genes do vírus na planta.
O custo de prevenção pode ser menor que o de tratamento", avalia a bioquímica responsável pela pesquisa, Isabel Florindo Guedes. 

Mesmo antes dos testes em humanos, o Núcleo de Inovação Tecnológica da universidade cearense já trabalha na transferência da tecnologia da vacina para o mercado. 

A dengue matou 1.167 pessoas em 2010 na América Latina, onde foram registrados 1,8 milhão de casos, segundo dados da Opas (Organização Pan-Americana da Saúde). 
De Fortaleza
Fonte: Folha.com

sábado, 19 de fevereiro de 2011

Na hora de dirigir a monotonia pode atrapalhar tanto quanto as distrações

Os pesquisadores Paul Atchley e Mark Chan da Universidade de Kansas (EUA) testaram 45 motoristas durante 30 minutos em um simulador. Os cientistas analisaram os níveis de atenção e de memória a curto prazo dessas pessoas enquanto elas dirigiam no simulador e falavam ao telefone. Durante o trajeto, os motoristas tinham que lidar com diversas distrações, como outdoors e carros que faziam manobras repentinas. O nível de atenção foi medido através do tempo de reação dos participantes, habilidade de se manter na mesma faixa e capacidade de se lembrar das placas vistas.

Os resultados mostraram que os motoristas que estavam realizando tarefas concomitantes enquanto dirigiam tinham menos chances de cometer infrações de trânsito. Os motoristas que tinham tarefas continuas ou adicionais tinham mais chances de não conseguir se manter dentro das faixas e de cometer algum tipo de infração. 

Os pesquisadores sugerem que quando dirigir se torna monótono a atenção do motorista fica dispersa, e atividades como falar ao telefone e escutar o rádio podem ajudá-lo a manter a concentração. Porém ainda existe um grau de risco em realizar tarefas secundárias enquanto a pessoa dirige. 

Boa Saúde

Excesso de exames para dor nas costas pode prejudicar pacientes e o sistema de saúde


Muitos médicos pedem exames de imagens quando os pacientes reclamam de dores na parte inferior das costas; mas em novas diretrizes da prática médica, a Organização Americana de Clínicos Gerais declarou que, na maioria dos casos, esses exames são desnecessários e fazem mais mal do que bem.

A solicitação rotineira de exames de raios-X, tomografias e ressonâncias magnéticas eleva os gastos da saúde, dizem os "conselhos de práticas recomendadas" da organização. Segundo as diretrizes, os exames podem identificar anormalidades não relacionadas, levando a exames adicionais ou procedimentos que não trazem benefícios - algumas vezes expondo os pacientes a altos níveis de radiação. As recomendações são o primeiro de uma série de documentos que pretende ajudar médicos e pacientes a identificar o mau uso de tratamentos médicos.

A maioria das dores nas costas é causada por tensões nos ossos, músculos e ligamentos. O problema pode ser tratado com analgésicos de venda livre e geralmente desaparece em alguns dias, afirmou um dos autores das práticas recomendadas, o médico Amir Qaseem, diretor de políticas clínicas na educação de medicina da Organização Americana de Clínicos Gerais.

"Algo assim pode ser identificado com o bom e velho histórico médico", disse ele, acrescentando que os exames de raios-X e tomografias "devem ser reservados aos pacientes de alto risco, que estão com sintomas graves".

UOL Ciência e Saúde

sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

Para refletir: Nem tudo é fácil


É difícil fazer alguém feliz,
assim como é fácil fazer triste.

É difícil dizer eu te amo,
assim como é fácil não dizer nada.

É difícil ser fiel,
assim como é fácil se aventurar.

É difícil valorizar um amor,
assim como é fácil perdê-lo para sempre.

É difícil agradecer por hoje,
assim como é fácil viver mais um dia.

É difícil abrir os olhos e enxergar o que de bom a vida te deu,
assim como é fácil fechar os olhos e atravessar a rua.

É difícil se convencer de que se é feliz,
assim como é fácil achar que sempre falta algo.

É difícil fazer alguém sorrir,

assim como é fácil fazer chorar.


É difícil se pôr no lugar de alguém,

assim como é fácil olhar para o próprio umbigo.


É difícil ver o trem partindo,

assim como é fácil pedir para ficar quem quer te levar.


Se você errou, peça desculpas!

É difícil pedir perdão?

Mas quem disse que é fácil ser perdoado?


Se alguém errou com você, perdoa-o!

É difícil perdoar?
Mas quem disse que é fácil se arrepender?

Se você sente algo, diga!

É difícil se abrir?

Mas quem disse que é fácil

encontrar alguém que queira escutar?


Se alguém reclama de você, ouça!

É difícil ouvir certas coisas?

Mas quem disse que é fácil ouvir você?


Se alguém te ama, ame-o!

É difícil se entregar?
Mas quem disse que é fácil ser feliz?

Nem tudo é fácil na vida,

mas com certeza nada é impossível!


Precisamos acreditar, ter fé

e lutar para que não apenas sonhemos,

mas também tornemos
sonhos em realidade! 

(autor anônimo)

Um feliz final de semana, com Amor e Paz !!!
beijos no coração !!!