terça-feira, 31 de julho de 2012

Óleo de abacate protege o coração e ajuda a emagrecer

Azeite das Américas. É assim que o óleo de abacate ficou conhecido e, apesar de ainda não ser muito comum no Brasil, o produto tem destaque na lista dos óleos funcionais que protegem o organismo contra diversas doenças. "Basta acrescentar uma colher de sopa a preparações cruas ou nas saladas", afirma a nutricionista Noadia Lobão, do Rio de Janeiro. Conheça os benefícios de mais este aliado da saúde e incremente o sabor das receitas.


Efeito anti-inflamatório

O óleo possui altas concentrações de vitamina E, que oferece ação antioxidante e anti-inflamatória ao organismo. "A vitamina E oferece proteção contra os efeitos nocivos dos radicais livres, contra aterosclerose, inflamações das articulações e complicações provocadas pelo diabetes", diz o nutricionista Wellington Pinheiro, de São Paulo. 
   
coração de pelúcia - Foto Getty Images

Previne doenças cardiovasculares

Assim como o azeite de oliva, o óleo de abacate possui ácidos graxos monoinsaturados e poli-insaturados, que contribuem para a saúde do coração. "O óleo age diminuindo os níveis triglicérides e colesterol ruim, sem alterar os níveis de colesterol bom', diz a nutricionista Myrla Merlo, da clínica Da Matta Fisio, em Belo Horizonte. "Além disso, o óleo de abacate ajuda a prevenir o desenvolvimento de lesões das artérias, outro fator de proteção para doenças cardiovasculares."


homem em uma consulta médica - Foto Getty Images

Câncer de próstata

O óleo de abacate contém uma substância chamada beta-sitosterol, que inibe a enzima esteroide 5-alfa-reductase (relacionada à redução na produção de testosterona). 'Inibindo a ação dessa enzima, o organismo produz mais testosterona e evita um desequilíbrio hormonal, prevenindo o aumento progressivo da glândula da próstata e, consequentemente, o câncer de próstata, diz o nutricionista Wellington. "O beta-sitosterol também age reduzindo a hiperplasia prostática, que é a dilatação da próstata."


pessoa verificando a própria glicemia - Foto Getty Images

Controle da glicemia

As gorduras insaturadas e o beta-sitosterol presentes no óleo promovem a aceleração dos processos metabólicos nas células, que produzem mais energia de forma eficaz. "Com a respiração acelerada, a utilização de glicose é aumentada e isso contribui para o controle da insulina e do açúcar presente no sangue", diz a nutricionista Raquel Maranhão, da Clínica BeSlim. Essa ação é benéfica para qualquer pessoa, mas em especial para quem tem intolerância ao açúcar, resistência à insulina e diabetes. 


mulher feliz - Foto Getty Images

Fortalece a imunidade

"Por possuir uma combinação única de lipídios, fitoquímicos, vitaminas, ômegas e antioxidantes essenciais para a saúde, o óleo de abacate é muito eficaz para manter o sistema imunológico fortalecido e o corpo livre de radicais livres", afirma a nutricionista Noadia Lobão, do Rio de Janeiro. "Além disso, a enzima beta-sitosterol age aumentando a produção de células de defesa no corpo", diz o nutricionista Wellington. 


mulher na balança - Foto Getty Images

Ajuda no emagrecimento

Mais uma vez as gordura insaturadas e a beta-sisterol são as responsáveis por esse benefício. "Eles controlam os níveis do hormônio cortisol que, em excesso, pode diminuir o gasto de energia e aumentar o apetite, a retenção de líquidos e a absorção de gorduras e açúcares", afirma a nutricionista Raquel. Segundo Myrla Merlo, o cortisol controlado evita o acúmulo de gordura abdominal e favorece o aumento de massa magra. 


olhos azuis - Foto Getty Images

Protege os olhos contra doenças

Devido à presença abundante de antioxidantes como a luteína, vitamina E e glutationa, o óleo de abacate age na prevenção de doenças oftalmológicas. "Esses antioxidantes agem impedindo o cristalino (conjunto de células dos nossos olhos responsável por focalizar as imagens) de ficar opaco, processo desencadeador por exemplo da catarata", diz a nutricionista Myrla. O óleo também possui vitamina A e carotenoides, nutrientes essenciais para a saúde dos olhos. 


mulher limpando a pele - Foto Getty Images

Rejuvenescimento da pele

As vitaminas A, D e E presentes no óleo de abacate possuem um alo poder antioxidantes e participam da produção de colágeno, formando um time campeão na luta contras as rugas. "A vitamina A ajuda prevenir a pele seca, enquanto as vitaminas E e D são eficazes contra rugas da pele e retardam o processo de envelhecimento", diz a nutricionista Noadia. Os especialistas também recomendam o uso do óleo de abacate como produto cosmético, porém mediante consulta ao dermatologista e compra do produto recomendado para esse fim. 

Por Carolina Gonçalves 
Fonte: Minha Vida
 

Dieta dos signos – Os astros dão alguns toques especiais para você!

por Janaína Ferraz
Foto: Thinkstock/GettyImages
A Astrologia pode ajudá-la a se conhecer melhor e, inclusive, a manter a forma. Você já deve ter ouvido falar que, para perder peso, não basta “fechar a boca”, mas alimentar-se corretamente. O mais saudável é comer pequenas porções em intervalos curtos de tempo. De nada adianta ficar um tempão segurando a fome e, depois, devorar um prato supercalórico. E tem mais: alimentar-se bem é alimentar-se com prazer. Mas, atenção! Isso não significa encher-se de chocolates, gorduras e afins! A dica é respeitar os seus sabores preferidos ou adaptar os alimentos mais saudáveis ao seu paladar. E é nessa hora que a Astrologia pode dar aquela força!
 Signos do Fogo
Áries, Leão e Sagitário
  São pessoas agitadas, cheias de pique e compromissos. O lado bom é que gastam bastante energia e não têm preguiça de se exercitar. Mas, justamente porque vivem na pressa, podem abusar dos lanches rápidos de tipo calóricos. Se for o seu caso, não se esqueça de deixar sempre uma barra de cereais ou uma fruta na bolsa! Para balancear: em geral, quem é do elemento Fogo aprecia carne vermelha. A dica é escolher os bifes grelhados, sem gordura. Também é importante não abusar dos molhos, que, em geral, engordam. No almoço, opte por uma porção de carne, legumes e salada de folhas, dispensando o arroz. E nada de exagerar no sal, hein?
 Signos da Terra
Touro, Virgem e Capricórnio
  Pessoas desse elemento gostam de cuidar de si, só precisam fazer um esforcinho para se exercitar mais. Além disso, preste atenção para não se segurar de um lado e, de outro, acabar compensando com os alimentos que mais apreciam que, em geral, são os doces. Para balancear: sua disciplina é invejável em todos os aspectos, mas pode prejudicar a alimentação por causa do excesso de trabalho. Esforce-se, com o mesmo empenho, para respeitar os horários de suas refeições. Outra dica especial para você é procurar trocar a sobremesa calórica por uma fruta de sua preferência.
 Signos do Ar
Gêmeos, Libra e Aquário
  Supersociáveis, as pessoas desse signo curtem se reunir com os amigos em torno de uma mesa de petiscos. Então, o jeito é providenciar iguarias mais leves enquanto exerce o dom de se comunicar! Em geral, estão sempre correndo e comem qualquer coisa rápida. Evite pular refeições e carregue uma barra de cereais na bolsa para os imprevistos. Para balancear: que tal explorar a sua criatividade na hora de se alimentar? Misture duas frutas picadas com iogurte e um pouco de aveia e o lanche será mais prazeroso do que se comesse apenas a fruta. Elabore um prato colorido (com legumes variados e verduras) e verá como será mais fácil balancear os alimentos.
 Signos da Água
Câncer, Escorpião e Peixes
  Quem é regido por este elemento costuma ter os sentimentos à flor da pele. Por isso, o comportamento também é fortemente influenciado pelas emoções e pelo estado de espírito. Precisa ter cuidado para não deixar os problemas afetarem a alimentação. Curte cozinhar e preparar pratos caseiros. Para balancear: faça um esforço para esquecer os problemas, ao menos durante as refeições. Uma dica preciosa para perder peso é mastigar bem os alimentos. Assim, vai ingerir a quantidade correta de alimentos. Também é válido evitar tomar líquidos durante as refeições. Dê um intervalo de uma hora após o almoço ou jantar para beber o suco.

Vale para todos os signos:
  • Deixe de lado as frituras e aposte em alimentos ricos em nutrientes, que ajudam a manter a forma com saúde!
  • Soja: pode ser cozida e utilizada em saladas variadas ou refogada com carne moída.
  • Arroz integral: substitua o arroz comum por ele!
  • Laranja e acerola: ricas em vitamina C. O suco delas fica uma delícia!
  • Óleo de soja: é o mais saudável para cozinhar. Já o azeite deve ser utilizado cru, para temperar saladas.
  • Linhaça: misture uma colher de chá em água, para que forme um gel. Bata com o suco de sua preferência.
  • Castanha-do-pará: é rica em nutrientes, mas não pode ser consumida em exagero.
  • Mamão: ótima fruta  para o intestino. Corte-o em pedaços e coloque mel.
  • Iogurte com aveia: é uma combinação favorável para o funcionamento do aparelho digestivo. Aposte também nos iogurtes com lactobacilos.
Fonte: site UOL 
Via Lucineide Medeiros

Os vegetais que podem atuar contra câncer de mama

Depois de avaliar os dados de aproximadamente 5 mil chinesas acompanhaas por um estudo em Xangai, cientistas da Universidade de Vanderbilt, nos Estados Unidos, constataram que consumir esse tipo de vegetal derruba o risco de morte por câncer de mama em até 62%. Além disso, o perigo de a doença voltar é de 21 a 35% menor. 
 
 
Repolho, couve, brócolis e rúcula são célebres representantes desse grupo alimentar. “Eles são ricos em antioxidantes e outros compostos essenciais”, observa a professora Kelltelin Arbos, professora da Universidade Federal da Paraíba. Como o calor excessivo destrói algumas dessas substâncias, o melhor é comê-los crus ou cozinhá-los pelo menor tempo possível.

fonte: Revista Saúde

Descoberto como cigarro enfraquece os ossos

Já faz quase 20 anos que os cientistas estabeleceram uma conexão entre fumar e uma elevação do risco de fraturas e de desenvolvimento da osteoporose.Isso é o que se chama associação epidemiológica, quando um fator inicial é associado a um resultado final.
 
Tão importante, porém, é descobrir os mecanismos fisiológicos que ocorrem no corpo humano, fazendo com que aquele fator inicial resulte no resultado final.


Só então é possível estabelecer com segurança que o fator inicial – neste caso, o tabagismo – é causa daquele resultado final – o maior risco de osteoporose e fraturas.E foi isso o que aconteceu agora.

Pesquisadores chineses e norte-americanos descobriram as rotas moleculares que fazem com que o cigarro resulte no enfraquecimento dos ossos.

Danjun Ma e seus colegas descobriram que o cigarro faz com que as pessoas produzam quantidades excessivas de duas proteínas que disparam um processo natural do corpo que enfraquece os ossos.

A equipe analisou as diferenças nas atividades genéticas nas células da medula óssea de fumantes e não-fumantes.

Eles descobriram que os fumantes têm uma superprodução das proteínas que promovem a produção de osteoclastos, enormes células que reabsorvem os tecidos ósseos – ao contrário dos osteoblastos, que cuidam da “construção” dos ossos.

Os pesquisadores esperam que a descoberta dessa rota molecular possa levar ao desenvolvimento de novas terapias contra o enfraquecimento e a perda óssea, sobretudo em idosos.

Fonte: Robson Pires

Dormir pouco pode envelhecer o cérebro

Estudo revela que dormir pouco ou mal pode fazer bem mais do que prejudicar apenas o humor. Novas pesquisas sobre o tema se somam às evidências científicas de que a quantidade e a qualidade do sono podem estar relacionadas à deterioração mental e ao desenvolvimento de demência e Alzheimer.

Alguns dados coletados por estudiosos transparecem que dormir pouco ou demais foi igualado a dois anos de envelhecimento do cérebro, além de que pessoas com respiração interrompida durante o sono eram duas vezes mais propensas a desenvolver demência em comparação com pessoas sem o problema. Outro estudo sugere ainda que a sonolência diurna excessiva pode predizer o declínio cognitivo na terceira idade, bem como diversos problemas podem ser acarretados.
 
Fonte: Blog ExpressoRN
Via Desenvolvendo a Arte do Cuidar

sábado, 28 de julho de 2012

Projeto de Lei quer regulamentar propaganda infantil

                                        foto Divulgação


Com o objetivo de regulamentar a publicidade de produtos infantis, tramita na comissão de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática da Câmara dos Deputados um projeto de lei que estabelece regras mais rígidas para a propaganda de itens voltados às crianças.

Segundo o relator do projeto, deputado Salvador Zimbaldi (PDT-SP), o intuito da lei é fazer o que o Conselho de Autorregulamentação Publicitária (Conar) não faz. "Hoje, estamos convivendo com a população infantil obesa, por conta do consumismo, do sedentarismo.


 O que queremos, na verdade, é buscar um meio termo para que a propaganda não venha a ser restrita, mas, por outro lado, também não haja um incentivo, um estímulo absurdo ao consumo, conforme estamos vivenciando hoje."

O projeto conta com o apoio do movimento de mães Infância Livre do Consumismo, que considera ideal a publicidade ser dirigida somente aos adultos. Segundo uma das integrantes do grupo, Taís Vinha, o Conar não atende as denúncias a tempo. 

"Uma propaganda dizia: ‘foi descoberto o segredo de beleza da Barbie’. Como é que se diz para uma criança que uma boneca de plástico tem segredo de beleza? Esse é o ideal de beleza que estamos fazendo uma criança acreditar? Esse ideal não existe, é plástico. Isso, na minha consideração, é propaganda enganosa", argumenta Taís, que completa. 

Ela acredita que é preciso mais participação, mas que a sociedade fica de mãos atadas. "Fiz essa denúncia ao Conar em 2010, até hoje não tive retorno. Eles sequer acataram minha denúncia. O que a gente sente é que os pais não têm a quem recorrer. A gente quer participar, mas a gente queria que a coisa fosse rápida. O que adianta tirar (o comercial do ar) dois, três meses depois que a mensagem já atingiu milhões de crianças?"

A advogada do Instituto Alana, Ekaterine Karageorgiadis, defendeu a modificação do texto original do projeto para que a proibição seja para a publicidade direcionada às crianças e não aos produtos. "A publicidade de produtos infantis pode existir desde que direcionada aos pais", explica. "As crianças não diferenciam a publicidade da programação, elas não têm discernimento e não sabem que podem optar por comprar ou não."

O presidente da Associação Brasileira dos Fabricantes de Brinquedos (Abrinq), Synésio Batista da Costa, criticou a interferência do Estado nesse tema. "Esse projeto de lei não tem consenso. O Estado não pode desligar a internet. Vai acabar criando um sistema de castas, onde há aqueles com informação e aqueles sem", argumenta. 




Costa afirma ainda que sãos as mães que compram 70% dos brinquedos no Brasil. "A mãe sabe muito bem o que está fazendo. Eu prefiro confiar na mãe, do que na ação do Estado para regular o que a família deve fazer. Eu prefiro o respeito à família brasileira", destaca.

Por Carmem Sanches
Fonte: Mãe e Filhos

As 4 frutas que eliminam gordura

Pera
Ela tem seu mérito e não só a popular maçã - na hora de enxugar os quilos extras. Pesquisa do Instituto de Medicina Social da Universidade do Rio Janeiro -- e publicada no o Journal of Nutrition, uma das mais respeitadas revistas americanas sobre nutrição -- mostrou que as mulheres que comeram três peras por dia durante 12 semanas consumiram menos calorias e perderam mais peso do que as que não ingeriram nenhuma fruta. O estudo foi feito com 411 voluntárias entre 30 e 50 anos. A pera tem a grande vantagem de ser bem fibrosa. Concentra, em média, 3 gramas de fibras totais por 100 gramas - quase o dobro da maçã, que fornece 1,6 grama, afirma a nutricionista Tânia Rodrigues, diretora da RGNutri Consultoria Nutricional, de São Paulo. Além disso, o consumo de uma unidade representa 12% da necessidade diária de fibras, que é de aproximadamente 25 gramas por dia. Ela também é grande fonte de fibras insolúveis, que estão relacionadas à prevenção de prisão de ventre e de doenças como diverticulite e câncer de cólon, completa Tânia. 


Grapefruit e suas irmãs
Quer uma razão para reverenciar essa fruta? Ingerir metade de uma grapefruit ou tomar seu suco antes de cada refeição pode ajudar na perda de até meio quilo por semana, mesmo que você não mude absolutamente nada na sua dieta. Foi essa a conclusão a que chegaram os pesquisadores da Scripps Clinic, na Califórnia, uma rede de serviços de saúde sem fins lucrativos e que investe pesado em estudos. Eles acompanharam 100 obesos por 12 semanas. Passado esse período, descobriram que componentes da fruta ajudam a regular a produção de insulina, um hormônio que está intimamente ligado ao estoque de gordura. Níveis baixos de insulina também contribuem para afastar o apetite por mais tempo quando os índices estão elevados, o hormônio estimula o hipotálamo, região do cérebro que, entre outras funções, regula a fome. Se anda difícil encontrar grapefruit na sua cidade, aposte em duas outras variedades: a laranja-pêra e a laranja-bahia. A sugestão é de Vanderlí Marchiori, nutricionista e fitoterapeuta, de São Paulo. Elas contêm os mesmos compostos e atuam da mesma forma no emagrecimento, garante. 



Banana verde
Verdade. Nesse estágio, ela faz a balança se render graças a um amido resistente que ainda marca presença no macarrão integral, no feijão branco, na lentilha, na cevada e no pão com grãos integrais, que têm alto poder de saciedade. Esse efeito ficou mais do que comprovado em uma pesquisa americana realizada pela Universidade do Estado de Louisiana e publicada no Journal of Obesity. De acordo com o estudo, esse amido estimula hormônios que fazem o organismo se sentir satisfeito e sinalizam que é hora de parar de comer. O amido resistente também promove um aumento do peristaltismo intestinal, que pode diminuir a absorção de nutrientes e, consequentemente, de calorias, afirma a nutricionista Luci Uzelin, coordenadora de nutrição do Hospital Israelita Albert Einstein, em São Paulo. Outro dado: um pequeno estudo da Universidade do Colorado revelou que a queima de gordura foi 23% maior entre os pacientes que incluíram alimentos ricos nesse amido. Dá para comer banana verde? Sim. Você encontra receitas ótimas na internet ou no livro Yes, nós temos Bananas (editora Senac), de Heloísa de Freitas Valle, uma das pioneiras no uso da fruta verde como ingrediente principal de vários pratos. 



Amêndoas
Esta também é de cair o queixo: um farto punhado de amêndoas, cheia de gorduras -- benéficas, diga-se -- é capaz de reduzir o peso. E não só ele: a barriga também! Isso é o que mostra um estudo realizado no City of Hope National Medical Center in Duarte, Califórnia, nos Estados Unidos, e publicado no International Journal of Obesity. Em seis meses, os pacientes que adotaram diariamente 84 gramas da fruta oleaginosa (cerca de 70 unidades!) reduziram 18% do peso e 14% da medida na cintura. O colesterol ruim (LDL) também diminuiu 15% e os triglicérides, 29%. O grupo que se deliciou com as amêndoas perdeu também 56% a mais de gordura corporal em comparação com a turma que ingeriu o mesmo número de calorias na forma de carboidratos complexos, que estão nos cereais integrais, no arroz, nos pães, nas massas e nas batatas. Além das fibras, que afastam a fome por mais tempo, a amêndoa contém ômega-3, gordura do bem que ajuda a estimular os hormônios da saciedade, afirma a médica ortomolecular Heloísa Rocha, do Rio de Janeiro. Também é riquíssima em vitamina E, que regula os hormônios sexuais tanto no homem como na mulher. Nele, a amêndoa  facilita a formação de massa magra. E, quanto mais massa magra, maior a queima de gordura. Nela, o mesmíssimo amido resistente evita o estoque das células gordurosas. Ou seja, o peso despenca.

 Por CARLA CONTE
Fonte: Revista Saúde

Saiba o que é a bulimia e veja como lidar com o problema

Com o fortalecimento do culto ao corpo magro, os transtornos alimentares estão aparecendo com uma frequência alta e tem despertado a atenção dos profissionais da área da saúde.

Na bulimia nervosa a ingestão exacerbada de comida em um curto período de tempo é uns dos sinais que chamam a atenção, sendo que cada vez que uma pessoa se descontrola, ela ingere cerca de 2.000 a 5.000 calorias por episódio, sempre acompanhado pela sensação de completa perda de controle, com sentimentos de culpa e vergonha.


Podemos afirmar que na grande maioria das vezes esses episódios vêm acompanhados de métodos compensatórios de purgação como: vômitos auto induzidos, uso de laxantes ou diuréticos, enemas, exercícios físicos extenuantes e jejuns prolongados.

Vários fatores podem disparar um episódio de voracidade como esse, mas um que nos chama a atenção são os períodos de jejum prolongados ou dieta muito restritiva, o que gera a perda de controle, e normalmente os familiares não tem a percepção do que está ocorrendo.
  

Abaixo estão listados alguns comportamentos que levam a detectar a bulimia:

  • Humor depressivo;
  • Preocupação excessiva com o peso e corpo;
  • Comer em excesso quando se sente angustiado;
  • Dieta restritiva seguida de episódios de compulsão;
  • Ter compulsões com alimentos calóricos e com doces;
  • Sentir e expressar culpa ou vergonha por sua compulsão;
  • Utilização de laxantes e vômitos para controle do peso;
  • Após as refeições, usar o banheiro para seus vômitos secretos;
  • Manter em segredo esses vômitos e as compulsões;
  • Planejar as compulsões e as oportunidades para a realização;
  • Sensação de perda de controle e desaparecimento após a refeição.

O ciclo de comer e tentar compensar seja com os vômitos auto induzidos, com o uso de laxantes, diuréticos ou a prática de exercícios extenuantes, se torna uma rotina que não traz resultados interessantes, levando as pessoas que utilizam esses recursos a sentirem-se frustradas, humilhadas e, com isso, acabam recomeçando todo o ciclo novamente.

A bulimia se caracteriza tanto pela ingestão exagerada de alimentos, como períodos de restrição (o famoso jejum prolongado), este último sendo disparador e mantenedor de episódios de voracidade, e geralmente podem ser alimentos ricos em gorduras e carboidratos.

Outro aspecto importante é a voracidade que apresenta nas suas relações interpessoais, pela necessidade que sentem de obterem afeto, atenção, carinho. Porém, em outros momentos, preferem o distanciamento, que mostra a mesma dinâmica do comer e vomitar.

Importante esclarecer que esta doença também pode levar ao óbito. Mesmo que a porcentagem seja baixa, várias situações estão envolvidas nesse processo, como o suicídio, pneumonia combinada com problemas cardíacos, reação hipertensiva decorrente da ingestão medicamentosa e o peso corpóreo.

Mas a mudança de hábitos alimentares está presente na bulimia e um dos sinais mais visíveis são as idas frequentes ao banheiro. Os pais precisam estar atentos aos hábitos alimentares dos filhos e ao comportamento pós-refeição.

Após desconfiarem que sua filha(o) pode estar com essa doença, o recurso é procurar profissionais especializados para o atendimento. Sempre é importante cuidar dessas situações, pois muitos pais não acreditam que seus filhos podem estar doentes ou mesmo desprezam os sinais na tentativa de não encarar a situação.

Uma equipe de profissionais especializados pode auxiliar nesse processo, como o psicólogo que irá junto com o paciente trabalhar a imagem corporal, e os gatilhos que a levaram utilizar a bulimia como recurso para perda de peso; o psiquiatra que irá medicar de acordo com o histórico e queixas apresentadas; o nutricionista que prescreverá uma dieta equilibrada e adequada para cada caso.

 Por Luciana Kotaka
Fonte: Dicasdemulher

quinta-feira, 26 de julho de 2012

Amêndoas e pinhão podem diminuir risco de câncer, diz estudo

Amêndoas, amendoim, pinhão, damasco ou até mesmo suplementos alimentares ricos no micronutriente podem diminuir as chances de desenvolver câncer de fígado em pessoas de meia-idade e idosos
Foto: Getty Images

 Pesquisadores da Instituto de Câncer de Xangai descobriram que alimentos ricos em vitamina E como amêndoas, amendoim, pinhão, damasco seco ou até mesmo suplementos alimentares ricos no micronutriente podem diminuir as chances de desenvolver câncer de fígado em pessoas de meia idade ou mais velhos. Ainda, estudos anteriores já provaram que estes alimentos podem afastar danos oculares e doenças cardíacas. As informações são do site do jornal inglês Daily Mail.

 Confira o mapa de câncer no Brasil e os tipos mais incidentes


O líder da pesquisa Wei Zhang analisou dados de mais 132 mil pessoas, incluindo 267 pacientes com câncer de fígado. Depois de reunir informações sobre os hábitos alimentares dos participantes, os pesquisadores compararam o risco de câncer do fígado para os participantes que tinham uma ingestão elevada de vitamina E para aqueles que consomem pequenas quantidades do nutriente.

O câncer de fígado é a terceira causa mais comum de mortalidade por câncer no mundo e o quinto câncer mais comum em homens e o sétimo entre as mulheres. Aproximadamente 85% dos casos de câncer de fígado ocorrem em países em desenvolvimento.

Terra

10 coisas que toda mulher precisa para ter qualidade de vida

Para que alguém viva bem, com qualidade de vida, é necessário investir tanto no bem-estar físico quanto no mental e emocional. Veja abaixo 10 coisas que as mulheres precisam e merecem para ter uma vida mais feliz e prazerosa.


1 – Sexo. Ter uma vida sexualmente ativa e com relações de qualidade, que proporcionem prazer legítimo, ajuda a melhorar o humor, contribui com o bem-estar e até ajuda a dar um brilho a mais na pele. Sem dúvida toda mulher merece bons momentos de prazer a dois.

2 – Sono de qualidade. Esse é outro ponto no qual toda mulher deve investir. Aposte em um colchão de qualidade e crie uma rotina para desacelerar antes de ir para a cama. Procure dormir ao menos 6 horas por dia e tome cuidado para dormir em uma posição confortável e que não machuque suas costas.

3 – Exercício físico. A prática de exercício físico é um requisito quase obrigatório para quem deseja ter qualidade de vida. Mesmo que seja apenas uma caminhada leve, o exercício físico será benéfico para seu corpo e sua mente. Além de ser bom para manter a forma e a saúde, a prática proporciona um momento de relaxamento e introspecção.

4 – Atividades que estimulem o cérebro.Outro hábito necessário para adquirir qualidade de vida é praticar atividades que te façam pensar e colocar o cérebro em ação. Palavras cruzadas são um bom exemplo de como estimular seu cérebro e se divertir ao mesmo tempo. Encontre uma atividade que você goste e que exija dedicação mental e comece hoje mesmo a praticá-la.

5 – Diversão. Uma vida monótona e sem diversão não é uma vida de qualidade, não é mesmo? Por isso, saia com seus amigos, ria, cante, dance, faça o que te dá prazer. Desta forma você investe em bem-estar e ganha na qualidade de vida. Você se sentirá feliz e realizada fazendo coisas que te dão uma sensação de prazer.

6 – Relacionamentos verdadeiros. Outra coisa que enriquece uma vida é ter bons relacionamentos. Amizades verdadeiras, um pouco de romance e uma boa conexão com os familiares também contribuem para uma vida de qualidade.

7 – Um toque de carinho. Quem vive isolada e raramente sente o toque gostoso de um abraço carinhoso, provavelmente não é tão feliz quanto quem desfruta desses sinais de afeto. O calor de um abraço de mãe, o carinho de um ombro amigo, o simples aperto de mão de alguém que te quer bem são contatos físicos necessários para nos manter de bem com a vida e conectados com nosso lado mais humano e carinhoso.

8 – Convívio social. Além de bons relacionamentos e de contato físico, nós mulheres precisamos também nos envolver com a sociedade que nos cerca. Dar bom dia ao porteiro e aos vizinhos é uma forma simples de manter contato com quem está ao nosso redor.
É importante também estar sempre conhecendo gente nova, fazendo novas amizades e aumentando nosso círculo de “conhecidos”. Isso traz não só bem-estar, como também novas oportunidades tanto no âmbito pessoal como no âmbito profissional.

9 – Tempo para si mesma. Que mulher não gosta de ter um tempinho só para ela? Aquele tempo bom, para ficar de pijama no sofá comendo pipoca, ou toda cheia de creme no rosto e se depilando no banheiro. Essa é uma das coisas que precisamos estar atentas para fazer, por que por vezes nos esquecemos de cuidar de nós mesmas. Por isso, nunca se sinta culpada por reservar alguns momentos a sós consigo mesma.

10 – Pequenos prazeres. Por fim, para ter uma vida feliz e de qualidade, é necessário também nos dar pequenos prazeres da vida. Comer aquela barra de chocolate que você tanto ama ou passear pelas vitrines das lojas que mais cobiça são alguns exemplos de pequenos prazeres que podemos nos proporcionar. Afinal, nós merecemos tudo isso.

Fonte: dicasdemulher - Por Andressa Dias - Foto: Thinkstock

segunda-feira, 23 de julho de 2012

Curiosidade: Por que médico tem letra ruim?

Não dá para generalizar: na área médica, como em qualquer outra, há quem tenha garranchos e quem escreva bem. Ainda assim, há teorias sobre a origem do mito. Uma diz que, antigamente, quando não existiam laboratórios farmacêuticos, médicos faziam prescrições que só os boticários conseguiam decifrar. Assim, evitavam que o paciente se arriscasse fazendo o próprio remédio.

 Outra afirma que a pressa para anotar as aulas na faculdade causaria a letra ruim. Uma terceira é a de que, no passado, a maioria dos doutores eram homens – e eles normalmente teriam a letra pior do que a das mulheres. No Brasil, uma lei federal, uma portaria da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e o Código de Ética Médica exigem que as receitas devem ser legíveis. Se você se sentir lesado, denuncie ao Conselho Regional de Medicina.
 
CONSULTORIA José Fernando Vinagre, corregedor do Conselho Federal de Medicina, e Liane Pereira, grafóloga e perita grafotécnica pelo Conselho Nacional de Peritos Judiciais do Brasil FONTES Código de Ética Médica, Lei 5.991/73 e Portaria 344/98 da Anvisa IMAGEM Dr. Rogério Darwich

 por Luiza Andrade- Mundo Estranho

Quem é mais inteligente: o homem ou a mulher?

Você acredita em testes de QI? Eles são conhecidos por “medir” a inteligência de uma pessoa. Embora essa medição seja considerada subjetiva e imprecisa por diversos pesquisadores, o teste fez muito sucesso desde sua invenção, em 1912, pelo psicólogo William Stern. Foi ele que criou a famosa sigla QI, que quer dizer Quoeficiente de Inteligência. 

 Existem vários testes diferentes, mas a tradicional conversão em um resultado numérico – cuja média entre os seres humanos gira em torno de 100 – só foi inventada mais tarde pelo neozelandês James Flynn, que se especializou por décadas nesta medição. Em um recente teste feito por ele, na última semana, as mulheres superaram os homens na inteligência medida pelo QI, pela primeira vez na história.


Em um século de testes, a média do QI masculino via “método Flynn” foi sempre classificado pelo menos cinco pontos à frente do feminino. Muita gente sempre questionou a eficiência e legitimidade de experimentos como estes, mas a novidade não deixa de ser notável.

James Flynn e sua equipe reuniram jovens de 15 a 18 anos em sua maioria, em cinco diferentes países. No total, mais de cinco mil pessoas foram postas à prova no teste Raven, em que o participante resolve problemas de lógica. As mulheres obtiveram desempenho superior em todos os países.

Efeitos da modernidade

 

A explicação do pesquisador Flynn para o crescente aumento do desempenho feminino em testes de QI em relação aos homens é social: aumentou o acesso das mulheres à educação e a atividades que possibilitam maior desenvolvimento intelectual, oportunidades das quais elas ainda costumavam ser privadas em um passado não tão distante.

Nos últimos cem anos, a média do QI dos seres humanos subiu três pontos, mas as mulheres tiveram um aumento mais acelerado. Isso ficou provado justamente porque a evolução feminina foi mais nítida nos países onde as mulheres já conquistaram mais espaço e inserção social.  foto de Rita

Fonte: Hypescience

Tá estressada? Durma de conchinha!

Pesquisas revelam que dormir de conchinha traz benefícios para o corpo que vão além do emocional

                           Foto: Getty Images          

 

Depois de um dia puxado, nada melhor que uma boa noite de sono, certo?
Mas os pesquisadores da Universidade de Pittsburgh, nos EUA, descobriram que há algo ainda mais eficaz para aliviar as tensões cotidianas: dormir de conchinha com o parceiro.

A posição mais consagrada pelos casais apaixonados mundo afora oferece variados benefícios à saúde. Para começar, dormir de conchinha diminui os níveis de cortisol, o hormônio do estresse. Isso acontece porque a gente fica se sentindo mais protegida e segura, relaxando de vez. Essa sensação é mais difícil de ocorrer quando dormimos sós.

Além disso, dormir bem acompanhada dá uma força para combater inflamações e ajuda na digestão. Então, chega junto no seu gato, amiga!

  MdeMulher
Conteúdo do Site VivaMais

sábado, 21 de julho de 2012

Menino mexicano é levado aos EUA para tratar tumor gigante

Garoto mexicano conversa com pastor batista, já nos EUA. (Foto: AP)

Garoto de 9 anos já tem visão afetada pelo mal.
Ele foi tirado de bairro perigoso em carro blindado.


Agentes federais americanos levaram esta semana um menino de 9 anos de Ciudad Juarez, no México, para Albuquerque, no estado americano do Novo México, para que ele possa receber tratamento médico para um grande tumor que tem sobre o ombro e o pescoço.

O garoto foi tirado de seu bairro num carro blindado, porque a região é considerada perigosa por estar infestada de gangues. O tumor é tão grande que está afetando sua visão, e pode também atingir seu coração. Uma igreja juntou doações para trazer o menino, identificado apenas como “José”. Ele recebeu um visto temporário para os EUA, de uma categoria concedida a casos de ajuda humanitária.

 O tumor está ficando tão grande que já afeta a visão do garoto. (Foto: AP)

 Da AP -G1

Síndrome do ovário policístico causa acnes e pode levar à infertilidade

Cerca de 25% das mulheres têm cistos, mas nem todas têm a síndrome.
Ganho de peso e pelos no rostos são outros sintomas do problema.

 

Cerca de 25% das mulheres em idade fértil têm cistos no ovário, mas nem todo mundo que tem o problema sofre da chamada síndrome do ovário policístico. Para o diagnóstico da síndrome, a mulher tem que apresentar uma série de sintomas.

Alguns desses sintomas se apresentam na pele. Por isso, o Bem Estar desta sexta-feira (20) trouxe ao estúdio a dermatologista Márcia Purceli, além do ginecologista José Bento.


É nos ovários que o corpo da mulher armazena os óvulos – as células reprodutoras – e produz os hormônios femininos. Os cistos são pequenas bolsinhas com água que surgem nos ovários e podem atrapalhar seu funcionamento, tanto para a fertilidade quanto para a produção de hormônios. Dentre as mulheres que têm cisto, entre 5% e 10% têm a síndrome.

Os sinais mais importantes são alterações menstruais, ausência de menstruação, pelos no rosto, na barriga e nos seios, surgimento de acnes, ganho de peso e infertilidade. A síndrome do ovário policístico é considerada a segunda principal causa de infertilidade, atrás apenas da endometriose.


Os sintomas podem ser aliviados com tratamento hormonal. A pílula anticoncepcional, que altera a produção dos hormônios, reduz o aparecimento de pelos e espinhas e também regula o ciclo menstrual. Obviamente, o tratamento com a pílula não serve para ajudar a engravidar.

A síndrome provoca ainda resistência à insulina – o hormônio que faz com que os açúcares entrem nas células – e gera ganho de peso. Juntos, esses dois fatores podem levar à diabetes, por isso o tratamento hormonal é importante.


Acnes
As acnes causadas pela síndrome do ovário policístico ficam mais concentradas no queixo. Para tratar as acnes, os cuidados com a pele têm que andar lado a lado com o tratamento hormonal. Quem tem muita espinha deve dar preferência a sabonetes feitos com enxofre ou ácido salicílico.

Espuma não é sinal de sabonete bom – quanto mais espuma um sabonete faz, mais ele agride a pele. Os sabonetes bactericidas também não devem ser usados em excesso, é melhor utilizá-los só para lavar as mãos. Os sabonetes com hidratante não substituem o hidratante.

 
Do G1, em São Paulo


sexta-feira, 20 de julho de 2012

Absorventes: 10 coisas que você precisa saber

Tudo o que você sempre quis saber sobre os absorventes
Foto: Getty Images

 P. Corro tanto o dia inteiro que às vezes me esqueço de trocar. Isso é muito arriscado?
R. É importante trocá-lo a cada quatro horas. Ou até menos, se o seu fluxo for intenso e ele ficar muito carregado antes disso. O sangue é um veículo perfeito para a proliferação de bactérias, que podem provocar infecção.


P.
Já inventaram absorvente ecológico?
R. Nos Estados Unidos já existe uma alternativa aos tampões. É o DivaCup, que se parece com uma taça pequena, sem o pé. Sua utilização é bem parecida com a do absorvente interno. Outra modalidade, encontrada aqui mesmo no Brasil, é o aBiosorvente. Feito de flanela de algodão, ele é reutilizável e deve ser lavado após o uso.


P.
Acho tão prático usar o tampão interno! Como sei o tamanho certo?
R. Escolha o que se adapta à quantidade do seu fluxo, não o que imagina ser ideal para seu peso ou altura. Usar um com poder de absorção maior do que o necessário pode provocar ressecamento da vagina e ferimentos na hora de retirá-lo. Na dúvida, fique com o pequeno e substitua-o ao perceber que precisa ou com quatro horas de uso. Jamais escolha um maior só porque deseja mudá-lo menos vezes.


P.
Nunca sei se meu tampão está no local adequado. Como checar?
R. Você terá certeza de que inseriu o tampão no lugar certo se não perceber que está usando. Isso porque as terminações nervosas da vagina ficam localizadas apenas no primeiro terço do canal, bem pertinho da entrada. Ele deve ficar posicionado no terço médio do canal, sem risco de bloquear o fluxo.


P.
Meu namorado não gosta de ver sangue. Posso transar com um absorvente lá dentro?
R. Melhor não. O pênis vai acabar empurrando o tampão ainda mais para dentro, o que poderá machucá-la. Portanto, mesmo que o rala e rola esteja quente, peça licença, vá ao banheiro e puxe a cordinha!


P.
O que fazer se o barbante do tampão sumir?
R. Nada de desespero! Lave as mãos, fique de cócoras, lubrifique o polegar e o indicador e introduza-os na vagina. Isso ajudará a encontrar o danado com facilidade. Agora, se não conseguir, procure o médico.


P.
A cobertura do absorvente é segura para a saúde?
R. Existem dois tipos de cobertura para o produto externo. Uma mais macia, com extrato de algodão; outra de polietileno, com textura de plástico. Segundo Alexander Froio, gerente de assuntos regulatórios da Procter & Gamble, nenhuma amostra do produto gerou indícios de alergia ou sensibilização durante os testes.


P.
Sofro com uma candidíase que vai e volta. Tudo bem usar tampão?
R. Como mulheres alérgicas são mais vulneráveis a infecção vaginal por fungos, os absorventes internos e os perfumados estão contra-indicados a elas.


P.
Quando é melhor lançar mão do absorvente externo?
R. Prefira os externos se estiver com alguma infecção na pele perto da região genital. Assim, evitará “carregá-la” lá para dentro. E não se esqueça de lavar as mãos antes e depois de realizar a substituição para evitar contaminações por estafilococos, bactérias que sobrevivem facilmente nas mucosas e podem se multiplicar bem ali, na sua vagina. Se na hora de dormir o fluxo for intenso, lance mão do tipo “noturno”, que é mais comprido e evita surpresas ao despertar. “As abas também são ótimas para prevenir vazamentos”, explica Fernanda Bruzadin, cientista do centro de pesquisa e tecnologia da Johnson & Johnson.


Reportagem:Dalila Magarian e Vanessa Beutten Müller
Conteúdo do Site NOVA

6 sinais que o útero dá quando algo não vai bem

                                               Foto: Getty Images

Fique atenta aos alertas do seu útero e afaste-se de doenças que comprometem sua fertilidade e sua saúde


Para o homem, é fácil ver qualquer feridinha na região genital. Mas para nós, muitas vezes, isso passa batido! Muitas mulheres ignoram um pedido de socorro do útero e ficam vulneráveis a desenvolver doenças como endometriose, mioma, pólipos, sinéquia e até câncer.  Elas são identificadas em exames como o papanicolau e ultrasom transvaginal.

Quanto mais tardio o diagnóstico, mais difícil é o tratamento. Por isso, consulte-se com um ginecologista uma vez por ano ou ao menor sinal de problema. Veja como dar a atenção que o órgão mais feminino do nosso corpo merece. 


Sentiu algo? Vá pro médico!
 
1. Hemorragia ou falta de menstruação:  "Se o fluxo variar muito, sinal de alerta", diz a ginecologista Denise Coimbra, de São Paulo.

2. Dores na hora H: É na penetração ou ela vem do útero? Observe e conte para o médico.

3. Inchaço: É normal apenas antes da menstruação.

4. Cólicas: Se forem fortes a ponto de lhe causar ânsia de vômito, consulte-se.

5. Cheirinho ruim: A secreção vaginal não pode ter odor forte.

6. Infertilidade: Dificuldade para engravidar pode ser endometriose.

Saiba mais sobre as doenças:
 

Mioma: É tumor benigno que se alimenta de estrogênio. O tratamento anula a produção desse hormônio. Em alguns casos, ele é retirado em cirurgia. A doença é mais comum entre mulheres negras.

Endometriose: Em vez de ser eliminado na menstruação, o sangue gruda na parede do útero, o endométrio. Ele atrofia, causando dor e dificuldade para engravidar. O tratamento é clínico ou cirúrgico.

Sinéquia: As paredes do útero grudam. "Surge após processos infecciosos, inflamatórios ou abortos", afirma a médica Denise Coimbra. Precisa de cirurgia.

Pólipos: Pequenos tumores que se formam na cavidade do útero e podem causar infertilidade. A paciente faz microcirurgia.

Câncer de colo do útero: O HPV é a causa. Surgem lesões na mucosa da vagina, imperceptíveis a olho nu. Se o diagnóstico demora, pode evoluir para câncer. Mantenha o papanicolau em dia.

 Giulia Gazetta - Edição MdeMulher
Conteúdo de Site VIVAMAIS


Bebida esportiva não aumenta energia e pode causar problemas

Os pesquisadores advertem que essas bebidas contêm grandes quantidades de açúcar e calorias que incentivam o ganho de peso
Foto: Getty Images

 A maioria das pessoas pensa que as bebidas esportivas aumentam os níveis de energia e ajudam na hora dos exercícios. Mas, segundo pesquisadores, elas são um desperdício de dinheiro e podem realmente ser prejudiciais à saúde. As informações são do Daily Mail.
 
Os pesquisadores advertem que essas bebidas contêm grandes quantidades de açúcar e calorias que incentivam o ganho de peso. Acadêmicos de Oxford e Harvard também acusam os fabricantes de "enganarem" os frequentadores de academia, convencendo-os de que estão à beira da desidratação.

Por isso, os responsáveis pelo estudo ressaltam que pode ser perigoso beber este líquido, pois podem causar a hipernatremia, na qual as células do cérebro incham. As bebidas esportivas cresceram 10% na Grã-Bretanha no ano passado e cerca de 440 milhões de litros são bebidos por ano, suficiente para encher 400 piscinas olímpicas de natação.

Essas bebidas também são compradas por funcionários de escritórios que querem um impulso energético. O estudo publicado no British Medical Journal analisou 104 produtos, incluindo bebidas esportivas e shakes de proteína, e estudou mais de 400 alegações de saúde feitas em anúncios.

Após a analise, os pesquisadores afirmaram que há "falta de provas" nas propagandas delas. Deborah Cohen, responsável pelas investigações no BMJ, afirmou que "estas mensagens enganam e filtram os conselhos de saúde todos os dias".

Os autores também alertaram que as proteínas dos shakes não são melhores do que as do leite. "A ausência de evidência de alta qualidade é preocupante", afirmaram.
Fonte: Terra

quinta-feira, 19 de julho de 2012

Mulheres trabalham mais que homens. E ganham menos, aponta estudo

Os salários recebidos pelas trabalhadoras eram 17,3% menores do que as remunerações dos homens em 2009, quando consideradas as horas trabalhadas, de acordo com o relatório "Perfil do Trabalho Decente no Brasil: um olhar sobre as unidades da Federação",  divulgado hoje (19) pela Organização Internacional do Trabalho (OIT). Sem considerar as horas trabalhadas, a diferença de remuneração de homens e mulheres foi ainda maior e atingiu 29,3% em 2009.

 A jornada de trabalho média feminina é mais curta que a masculina, segundo a OIT, por conta da maior presença das mulheres em trabalhos precários em tempo parcial e devido também a uma maior dificuldade de as mulheres fazerem hora extra e exercerem atividades como revezamento noturno.

A proporção de mulheres no mercado de trabalho pulou de 57% em 1992 para 62,9% em 2004 e chegou a 64,8% em 2009. No mesmo período, a proporção de homens que trabalham caiu, passando de 90% em 1992 para 86,8% em 2004 e 86,7% em 2009. Com mais mulheres inseridas no mercado de trabalho e menos homens, o diferencial entre gêneros diminuiu, passando de 24 pontos porcentuais em 2004 para 21,9 pontos porcentuais em 2009. Com a mudança, as mulheres passaram a responder por 44,5% da População Economicamente Ativa (PEA) em 2009, contra 40% em 1992.

A taxa de formalidade feminina - mulheres que ocupavam postos formais de trabalho sobre o total das que trabalham -, em 2009, ainda era inferior à taxa masculina. Para mulheres, o índice era de 50,7%, enquanto, para os homens, a taxa era de 57%.
 
Carga horária. Mesmo com a jornada de trabalho formal mais curta do que a dos homens, as mulheres trabalham mais quando se leva em conta os trabalhos domésticos. A jornada semanal média das mulheres é de 36 horas no mercado de trabalho, contra 43,4 horas dos homens, mas a soma do tempo gasto com afazeres da casa faz com que as mulheres trabalhem 58 horas por semana, cinco horas a mais do que a carga de 52,9 horas dos homens.

As  mulheres brasileiras, de acordo com o relatório da OIT, trabalham 12,5 horas a mais do que os homens aos afazeres domésticos semanalmente. As mulheres dedicam 22 horas por semana ao trabalho doméstico, enquanto os homens gastam 9,5 horas semanais com as atividades da casa.  Entre as mulheres inseridas no mercado de trabalho, 90,7% disseram que também realizavam trabalhos domésticos. Entre os homens, a proporção era de 49,7%.

Estadão

Saiba mais sobre a personalidade das pessoas a partir da 1ª letra do nome

A numerologia serve para mapear a vida pessoal e profissional e descobrir quem é você e o porquê de você estar nesta vida. Um exemplo do poder de informações dos números é a analise da primeira letra do nome. Esta letra é o primeiro contato entre você e o mundo externo. É a primeira impressão que o mundo e as pessoas têm de você. Mostra aspectos da sua personalidade e tendências ao lidar com assuntos do dia a dia. Cada letra tem um valor numérico que dá a característica da sua personalidade. Confira a seguir uma análise da personalidade das pessoas pela primeira letra do nome. 


Letra A 

Pessoas dinâmicas, impulsivas e prontas para se lançar a novos desafios e oportunidades. Nunca ficam quietas. Detestam monotonia na vida e adoram aventuras.

Letra B

Pessoas determinadas em seus objetivos, metas e sonhos quando descobrem o que desejam. Vacilam um pouco na hora de escolher, mas sempre sabem o melhor caminho. 

Letra C
Pessoas curiosas, criativas e com muitas ideias. Estão sempre ligadas nas novidades do seu campo de trabalho e tecnologia para casa. Muito criativas e alegres.

Letra D

Muito responsável e organizado na sua agenda de trabalho e tarefas da casa. Ligado a assuntos de família e do lar. Raramente tem tempo de lazer ou para curtir férias.

Letra E
 
Pessoa inquieta, impulsiva e muitas vezes nervosa. Pode se atropelar por causa da ansiedade. É criativa e comunicativa. Adora festas e baladas com amigos.



Letra F 

Pessoas com muita sensibilidade, amor e compaixão pelos outros. Gostam de requinte, luxo e qualidade vida. Adoram viajar. Quando não consegue estes objetivos, a pessoa fica deprimida e negativa.

 Letra G

Típica pessoa que ninguém sabe o que pensa ou irá fazer, por ser discreta. Mas, sua seriedade passa confiança nos seus atos e decisões tanto no profissional quanto no pessoal. Cuidado com o perfeccionismo.

Letra H

Pessoa que adora desafios profissionais. Seu lema é “o céu é o limite”. Adora dinheiro e tudo o que ele pode trazer de bom. Seu ponto fraco é quando não tem sucesso na carreira, se torna muito mesquinho.

Letra I
 
Pessoa muito prática. Gosta de resolver os problemas na hora. Muito ligada nos problemas do mundo e do próximo. Podendo ajudar os outros, não pensa duas vezes. É sonhador e acredita num mundo melhor.


Letra J

Pessoa justa nas relações, mesmo que esteja numa disputa com a outra parte. Tem a mente muito acelerada e ligada nas novidades e informações da vida e ciência. Pode ficar chateada com a mesmice da vida.

Letra K 

Pessoa que tem grande magnetismo pessoal. Onde quer que esteja, chama a atenção para si. Mas, não é pavão. Pelo contrário, é muito discreta nas palavras, gestos e na vida pessoal e profissional.

Letra L
 
Pessoa que gosta de ficar mais sozinha ou com o companheiro. Gosta de com amigos e família em momentos festivos. No resto, gosta da solidão ou da companhia do parceiro. Muito observador e meticuloso.

Letra M
 
Pessoa que tem muita energia. Logo, deve estar sempre em alguma atividade física e metal que goste. Adora organizar e arrumar a casa ou seu quarto. Adora mexer nas planilhas do computador. Meticuloso ao extremo.

Letra N

 Uma pessoa muito crítica consigo mesma na parte profissional e estudos. Para ela, o bom é pouco. O exagero da perfeição pode afetar as relações de família e trabalho. Namorado só sem defeitos. Ou seja, impossível.

Letra O
 
Sente-se pleno e feliz quando está com a família reunida. Sente-se péssimo quando está sozinho, longe dos familiares. Também e muito ligado aos amigos. Pode até “rolar” ciúmes por causa deles. Pense mais em você.

Letra P
 
Pessoa que deveria trabalhar na ONU na busca da paz plena do mundo. Detesta conflitos, brigas e fofocas. Estar de bem com todos é uma meta pessoal que lhe dá equilíbrio. Mas, não leva desaforo para casa. 

Letra Q
 
Pessoa intuitiva, sensível e que presta muita atenção em detalhes que nem sempre ou outros veem. Adora sonhar e idealizar um mundo mais justo de viver. Cuidado para não ficar no mundo das nuvens. Pé no chão.

Letra R

Pessoas que têm dois pesos e duas medidas. Na hora de orientar o próximo, é sábio nas palavras e soluções. Na hora de se ajudar, é atrapalhado e confuso. Não sabe o que fazer com seus problemas. Peça ajuda se for preciso.

Letra S
 
Pessoa que sabe alcançar suas metas e sonhos pessoais e profissionais. Sabe como chegar lá e como envolver as pessoas certas no seu projeto. É um líder nato, se assim desejar. Muito responsável.

Letra T
 
Uma pessoa que muitas vezes esquece que tem vida própria, sonhos e família para olhar. Está mais preocupada em ajudar e cuidar dos outros. Cuidado como os exageros. É preciso ter equilíbrio.

Letra U

Pessoa justa, generosa e de grande coração. Pronto para escutar o próximo. Mas não peça para que ela abra mão de suas conquistas, família e trabalho para “carregar” o problema alheio. Seu lema é “cada um com seus problemas”.

Letra V
 
Pessoa que sempre tem um conselho ou palavra amiga para dar aos outros. Mesmo não parecendo, é uma pessoa de muita reflexão e experiência de vida, que passa segurança naquilo que fala e faz. Ótimo conselheiro.

Letra W

É uma pessoa que fica muito sensibilizada com a opinião dos outros sobre o que ela faz ou fala. Quando elogiada, o dia será maravilhoso e ficará de bem com a vida. Quando criticada, o mundo desaba.

Letra X
 
Pessoa dinâmica, alegre e sem antena em mil projetos e grupos. Detesta ficar parada. Está sempre a 100 km/h. Cuidado para não tomar uma multa da vida. Não pare, mas diminua a correria.

Letra Y

Tem o dom de comando e chefia. Nasceu para mandar. Mas nada de exageros, não queira se impor diante os outros com seu autoritarismo, pois só irá criar ira. Ganhe respeito e não inveja.

Letra Z 

Pessoa que tem grande coração e preocupação pelo próximo e pelo mundo. Mas deve se lembrar de que cada pessoa deve resolver seu problema. Não se meta na vida dos outros sem ser chamada. Cuide mais de você.


 Franco Guizzetti / Especial para Terra