segunda-feira, 29 de fevereiro de 2016

Maioria no Brasil é contra legalizar aborto para grávida com zika

Pesquisa de opinião indica que 58% da população é contra exceção na lei. Levantamento do Instituto Datafolha sugere que medo do vírus é grande.

Uma pesquisa de opinião indica que a maior parte dos brasileiros é contra a abertura de uma exceção para os casos de gestantes infectadas com zika na lei que proíbe o aborto no Brasil.

Segundo o instituto Datafolha, que realizou um levantamento com 2.768 entrevistas entre 24 e 25 de fevereiro, 58% dos consultados se manifestou contra a possibilidade de aborto para grávidas com zika, com 32% favoráveis (os 10% restantes não opinaram).

As informações foram publicadas na edição desta segunda-feira (29) do jornal "Folha de S.Paulo".

A pesquisa, com 2% de margem de erro, indica que o vírus da zika -- principal suspeito pelo aumento nos casos de microcefalia no país -- ainda causa muito receio. Entre as pessoas entrevistadas, 58% declararam ter "muito medo" de contrair o patógeno.

Em casos nos quais a microcefalia do feto é confirmada, a reprovação ao aborto diminui, mas também continua em maioria (51% contra 39%). Quando contabilizadas apenas as mulheres entrevistadas, a reprovação é ainda maior (57% contra 33%).


Bem Estar/ Via Josiel Dias

Menino de 3 anos passa três dias ao lado do corpo da mãe depois que mulher morreu em casa

Um menino de 3 anos de idade passou três dias na companhia do corpo de sua mãe depois que a mulher morreu em casa.

Anneka Sherratt, de 31 anos, faleceu no apartamento em Plymouth, Inglaterra, e foi encontrada morta pela polícia três dias depois de não mais ter sido vista por ninguém.

Durante o período em que estava apenas na presença do corpo da mãe, a criança, cuja identidade foi preservada, teve que cuidar de si própria sozinha.

O menino foi encontrado próximo ao corpo da mulher. Os detalhes do que a criança fez enquanto esteve sozinha ainda não foram esclarecidos.

A polícia está investigando a morte de Anneka para estabelecer a causa, e a família da jovem mãe, junto de amigos, está levantando dinheiro através da internet para ajudar a cobrir a as despesas do funeral.
Homenagens foram prestadas à mulher, e seu filho está sob o cuidado de parentes.
 
 
Menino de 3 anos passou três dias na companhia do corpo de sua mãe, Anneka Sherratt, depois que mulher morreu em casa. Caso ocorreu em Plymouth, Inglaterra. Foto: SWNS
 
 Foto: SWNS
 

Foto: SWNS
 
 Fonte: Mirror / Via Josiel Dias

Tintim por tintim...! o cantor Wesley Safadão, deu a versão dele, sobre o barraco que envolveu mulher e uma fã, em Dub

Hum...! Falando sobre...! O cantor tudo de bom.com, Wesley Safadão, usou a rede social , Snapchat para falar sobre as polêmicas, que aconteveu durante sua passagem em Dubai, nos Emirados Arabes, onde sua atual mulher, teria se envolvido em um barraco com uma fã dele. o cantor saiu em defesa da sua mulher, dizendo que a moça teve um comprtamento estranho como fã..
 
 
 Chegando ate a dizer que ficou constrangido. “Depois que saiu do nosso lounge, ela agiu de uma forma que não convém com o comportamento de uma fã e constrangeu não só a mim, mas todos. Mais tarde ela quis entrar de novo, e foi aí que rolou o stress. se tem alguém que jogou bebida foi ela, que jogou em um dos nossos amigos. O que impressiona, é a forma como isso foi contado, como se a gente tivesse agredido uma fã. Isso não aconteceu. Se teve problema, teve motivo para isso”, disse ele. 

Foto: Reprodução/Net
 
Fonte: Frutuoso Gomes News
 
 

Cientistas chineses criam espermatozóides de laboratório

A infertilidade afeta até 15% dos casais em todo o mundo. Desse percentual, em cerca de um terço dos casos, a impossibilidade de ter filhos está relacionada a problemas que atingem o homem, como a qualidade e o número baixos de espermatozoides. Ontem, cientistas chineses anunciaram um feito que poderá, no futuro, transformar completamente a maneira de enfrentar essa questão.
Os pesquisadores conseguiram criar espermatozoides de ratos a partir de células-tronco embrionárias dos animais. Pela primeira vez, o grupo de especialistas comprovou que as estruturas iniciais passaram, no laboratório, pelas mesmas fases de transformação que acontecem naturalmente até a geração dos gametas (células sexuais maduras) masculinos. Além disso, foi possível comprovar a funcionalidade dos espermatozoides ao usá-los para fertilizar ratas, que deram à luz filhotes que se mostraram saudáveis e férteis. Os resultados foram publicados na revista Cell Stem Cell.
Os autores do estudo explicam que uma das causas principais da inabilidade de reprodução masculina é a incapacidade de células germinais passarem por um tipo de divisão celular chamado meiose, processo pelo qual os espermatozoides são gerados. Por causa dessa dificuldade, os cientistas têm voltado a atenção para essa falha, buscando recriá-la em laboratório. “Reproduzir o desenvolvimento de células germinativas in vitro tem sido um dos objetivos centrais na biologia e na medicina reprodutivas”, afirma, em um comunicado à imprensa, Jiahao Sha, coautor do estudo e pesquisador da Universidade Médica de Nanjing, na China.
Segundo os responsáveis pelo trabalho, o maior desafio para criar gametas em laboratório era repetir os processos essenciais da meiose, justamente o que eles conseguiram com o novo método. O primeiro passo foi expor as células-tronco a um coquetel químico para transformá-las em estruturas precursoras de espermatozoides. Na etapa seguinte, essas células germinais foram inseridas em um meio que imitava o ambiente do tecido natural onde os gametas se desenvolvem, repleto de células testiculares e hormônios sexuais, como a testosterona. A estratégia se mostrou eficiente para disparar o processo da meiose, que foi completo, dando origem a espermatozoides com DNA e conteúdo cromossômico corretos.
Fonte: Frutuoso Gomes News

Peça da discórdia está dividindo a internet (outra vez!): de que cor você vê essa jaqueta?

Você se lembra da polêmica acerca da cor de um vestido que ninguém conseguia definir se era azul e preto ou branco e dourado? A imagem rodou a internet e causou a maior discórdia, até que a dona do vestido, por fim, confirmou suas cores reais (que eram azul e preto). Agora, uma nova peça tem confundido os internautas. Afinal, de que cor é a jaqueta?



 Um usuário da rede social Tumblr compartilhou a foto da peça, questionando quais cores as pessoas enxergavam nela. "Não quero lançar um novo 'desafio do vestido', mas minha amiga me mostrou essa jaqueta dizendo que era branca e azul. Eu vejo preto e marrom. Que cor vocês veem?", escreveu.


                                                                  Tumblr/poppunkblogger

 Na internet, outras pessoas afirmaram enxergar ainda outras combinações: verde e dourado, preto e branco, azul e dourado, verde e branco, entre outras.

Por que as pessoas enxergam cores diferentes?

O oftalmologista Anibal Mutti, do Hospital 9 de Julho, em São Paulo, explicou em entrevista ao Bolsa de Mulher que nem todo mundo vê as cores da mesma forma. “É normal haver uma diferença sutil de tons, principalmente nas cores vermelho, marrom, verde e amarelo. Isso porque a retina (estrutura ocular que capta as imagens) tem pigmentos que recebem as cores em quantidades que variam de pessoa para pessoa”, afirmou.

Fonte: Bolsa de Mulher

sexta-feira, 26 de fevereiro de 2016

Celular está cozinhando (e matando) espermatozoides dos homens, diz estudo

Mulheres carregam o celular na bolsa, mas os homens, quase que invariavelmente, levam o aparelho no bolso. Esse hábito aparentemente inofensivo pode ser muito perigoso, principalmente se ele pretende ser papai no futuro. Isso porque, segundo um recente estudo israelense, as ondas eletromagnéticas do aparelho prejudicariam os espermatozoides. Veja a seguir como isso acontece.


Celular afeta a fertilidade 

O estudo
Uma nova pesquisa, realizada pelo Instituto Technion, que fica em Israel, avaliou o impacto das ondas eletromagnéticas do celular na fertilidade masculina.


Os pesquisadores examinaram 100 homens e descobriram que aqueles que usavam o telefone celular pelo menos uma hora por dia ou mantinham o aparelho sempre por perto estavam significativamente diminuindo sua quantidade de espermatozoides a ponto de ter dificuldades para ter filhos.

Locais mais perigosos para deixar o aparelho 

Quase 50% dos homens que ficavam com o celular no bolso o dia todo tinham a fertilidade seriamente diminuída. A taxa caia para 11% quando considerada os homens em geral. Segundo o estudo, dormir com o celular na cama também é capaz de diminuir a contagem de espermatozoides.

Como o celular “cozinha” os espermatozoides

Em entrevista ao site do jornal britânico The Telegraph, a professora Martha Dirnfeld, do Instituto Technion, disse que a provável justificativa para a redução da fertilidade masculina é o aquecimento dos espermatozoides causado pela atividade eletromagnética do telefone.

                                                 Razvan Ionut Dragomirescu/shutterstock

Barraco! Wesley Safadão se envolve em confusão com fã em Dubai

Thyane Dantas, esposa do cantor, teve ataque de ciúmes durante férias do casal (Reprodução/Instagram)


De férias em Dubai, nos Emirados Árabes, o cantor Wesley Safadão, 27, e a esposa Thyane Dantas, 27, se envolveram em um barraco nos últimos dias. De acordo com o site “Ego”, uma fã que abordou o famoso em uma boate na cidade foi vítima do ataque de ciúmes da mulher de Safadão.

“Quando o vi, eu fui até o lado dele e falei que era fã, perguntei se ele estava fazendo shows ou se estava de férias. Ele me disse que estava de férias. Pedi para tirar uma foto com ele, tirei a foto, agradeci e retornei ao meu camarote. Como estava ao lado do camarote deles, quando fui embora passei em frente de novo e foi aí que a mulher dele jogou champanhe no meu rosto. Eu logo retornei ao meu camarote, enchi um copo e joguei nela também”, afirmou a moça que garantiu não ter exagerado no assédio ao cantor. “Sou fã e fiquei muito feliz ao vê-lo. Eu não entendi nada. Só pedi uma foto e, mesmo estando no camarote ao lado, não conversei mais nada depois. Respeitei o momento de férias dele. Na hora eu queria chamar a polícia, pois aqui as coisas são diferentes do Brasil. Mas preferi deixar de lado depois que minha amiga me acalmou. Wesley viu tudo, mas não fez nada”, acrescentou a admiradora do artista.


 Apesar da declaração da fã, o representante de Wesley Safadão conversou com o veículo e negou que esse episódio realmente aconteceu em Dubai. “Ele (Wesley) não vai comentar nada porque ele nega que o episódio do champanhe seja verdadeiro. Isso é mais um assunto criado por perfis fake (falsos) em redes sociais”, disse o profissional. Logo em seguida, a admiradora que se diz vítima rebateu a declaração: “Acho que ninguém teria porque inventar isso. Não estou aumentando nenhuma vírgula e nem quero me promover por causa disso. Mas ele é uma pessoa pública e a mulher dele deve, no mínimo, respeitar seus fãs. Pois ela vem para Dubai hoje e bebe champanhe por nós, que vamos aos shows dele”.


Fonte: Yahoo Entretenimento

quinta-feira, 25 de fevereiro de 2016

Inglesa esquece absorvente interno por 9 dias e acaba em UTI

Uma estudante de 20 anos na Inglaterra foi vítima de uma doença chamada "síndrome do choque tóxico", após esquecer um absorvente interno na vagina por mais de uma semana. As informações são do jornal inglês Mirror. 


 Essa síndrome é causada pelo excesso de bactérias encontradas no sangue menstrual após dias de uso de absorvente interno. Os sintomas incluem febre alta, vermelhidão e inchaço. Há casos de mulheres que morreram devido à doença. 


Emily Pankhurst sofreu um "choque térmico" após esquecer um absorvente interno na vagina
Foto: Mirror / Reprodução
Emily Pankhurst relata que o estresse com as provas finais na faculdade a fizeram esquecer que já estava com um absorvente interno quando colocou outro: "eu estava sangrando muito e minha mãe sugeriu que eu verificasse o que poderia estar causando isso, foi quando descobri o outro absorvente que já estava lá", conta. 


Mesmo após três dias de UTI, onde foi submetida à doze antibióticos, Emily sofre com as consequências da doença. A estudante não consegue acompanhar todas as aulas e nem pode andar por longas distâncias. 


"Todos sabem que eu preciso de um tempo para se recuperar, estão deixando que eu faça tempo reduzido nas aulas", conta a estudante, que também comemora o apoio recebido pela família e pelo namorado: "ele tem me ajudado muito, me levou lá em cima. Minha mãe me salvou quando ignorei os sintomas", afirma. 


Fonte: Terra

Condição rara faz jovem deslocar quadril em relação sexual

Estudante sofre de síndrome que impede realizar ações comuns do dia-a-dia


Uma estudante cujas articulações deslocam cerca de 20 vezes ao dia não pode realizar ações comuns da vida, desde abrir uma garrafa de água até ter relações sexuais. As informações são do jornal inglês Daily Mail. 


Darcey Kelly, de 19 anos, sofre de uma doença chamada Síndrome de Ellers-Danlos (EDS) que faz com que suas articulações saem do lugar. A estudante deve seguir uma rígida dieta líquida para evitar o bloqueio da mandíbula. 


A jovem relata que a situação mais embaraçosa que enfrentou foi quando teve relações sexuais com seu namorado e seu quadril deslocou durante o ato. 


Darcey Kelly sofre de síndrome que causa fragilidade nas articulações
Foto: Reprodução
 
 
"De repente, enquanto estava com ele, ouvi um estalo. Ele não reparou, mas eu estava me contorcendo de dor. Tive de pedir um minuto para ele enquanto fui ao banheiro para colocar o quadril no lugar", conta Darcey. 


A Síndrome de Ellers-Danlos é uma doença hereditária que afeta as proteínas de colágeno e atinge as pessoas em diversos estágios, desde a pele elástica à articulações frágeis. A irmã de Darcey é artista de circo e seu irmão é dublê, ambos são vítimas da síndrome, porém Darcey é a mais afetada, chegando a ter 20 casos de agonia num único dia. 


"Tem dias que não posso sair da cama, pois posso deslocar dez partes diferentes ao levantar. Num dia bom eu tenho, pelo menos, dez deslocações", relata a estudante, que detalhou um destes 'dias ruins': "Uma vez tentei sair da cama e meu quadril deslocou, com a queda meu ombro acabou saindo do lugar também", conta. 

Fonte: Terra

quarta-feira, 24 de fevereiro de 2016

Você gosta das pipocas de milho? Descubra por que são saudáveis

As pipocas, além de serem um delicioso aperitivo, possuem propriedades muito benéficas para nosso organismo: são diuréticas, contêm antioxidantes e ajudam a controlar os níveis de açúcar.



A maioria das pessoas já comeu pipocas de milho pelo menos uma vez na vida. São típicas nos cinemas e também podem ser preparadas em casa quando se quer desfrutar de um filme.


Por se tratar de um aperitivo tão delicioso e fácil de ser preparado, a maioria das pessoas considera as pipocas como tendo pouco valor nutricional e que somente devem ser ingeridas de forma ocasional porque não são saudáveis.


A verdade é que estas pessoas estão muito erradas. Mesmo que não tenha fama de alimento saudável, este delicioso lanchinho conta com propriedades nutricionais que vale a pena conferir.


A pipoca é uma fonte natural de compostos fenólicos, antioxidantes, fibras e minerais que atuam de forma positiva no organismo.


Como muitos ainda desconhecem as vantagens de consumir pipoca com frequência, a seguir iremos compartilhar seus principais benefícios.

São boas para a digestão

 

O milho com o qual as pipocas são feitas é 100% natural e contém uma quantidade importante de fibras, vitaminas e minerais que desempenham uma importante função a nível digestivo.


A fibra é essencial para regular o movimento intestinal e evitar transtornos comuns como a prisão de ventre. Além disso, reduz a inflamação abdominal.

Regulam os níveis de colesterol

O fato de serem tão deliciosas e fáceis de serem preparadas não quer dizer que sejam pobres a nível nutricional. Mesmo que não pareça, este alimento também é de grande ajuda na regulação dos níveis de colesterol do sangue. 


Suas fibras naturais estimulam a limpeza dos vasos sanguíneos e das artérias, reduzindo os excessos de lipídeos e favorecendo a circulação sanguínea.


Isto traz um impacto positivo em todo o sistema cardiovascularao reduzir o risco de doenças cardiovasculares, arteriosclerose, acidentes cerebrovasculares e ataques cardíacos.


São ricas em antioxidantes

Os alimentos ricos em antioxidantes se converteram na melhor ferramenta para frear a ação dos radicais livres nas células do corpo.


As pipocas contêm uma grande concentração de polifenóis que atuam como agentes antioxidantes, reduzindo o risco de doenças degenerativas, envelhecimento e outras doenças associadas.

Controlam o açúcar no sangue

Sempre e quando não sejam borrifadas com algum produto doce, este aperitivo é seguro para as pessoas com diabetes ou que sofrem com episódios de açúcar alto no sangue.


Na verdade, atua prevenindo esta classe de transtornos de saúde, já que suas fibras ajudam nos processos metabólicos que se encarregam de regular os níveis de açúcar e os de insulina.

Ajudam na perda de peso

Quando afirmamos que se trata de um lanche muito saudável é porque é verdade. Uma xícara de milho traz somente 30 calorias, por isso pode ser ingerida sem medo de engordar.


Mesmo que não se trate de um alimento milagroso para perder peso, pode ser sim um complemento na dieta para vencer aqueles episódios de ansiedade por comida, já que a pipoca estimula a produção de um hormônio conhecido como grelina, o qual inibe a fome. 

São diuréticas

As sedas e estigmas que o milho possui são recomendadas como complemento para reduzir a pressão arterial e a retenção de líquidos.
A ingestão regular da pipoca incrementa a produção de urina e é uma excelente forma de proteger o sistema urinário de infecções.

Têm ação antienvelhecimento

 

Por sua riqueza em agentes antioxidantes, destacando a vitamina E, ingerir as pipocas também beneficia de forma direta a beleza da pele.


Estas moléculas saudáveis inibem o dano oxidativo causado pelos radicais livres nas células saudáveis do corpo, principal causa do envelhecimento precoce e de algumas das doenças crônicas mais comuns.

Combatem o câncer

A composição nutricional das espigas de milho vem surpreendendo durante muitos anos e vem sendo assunto de pesquisa.

Suas substâncias fenólicas, um dos antioxidantes mais poderosos que o corpo precisa, tem uma ação direta sobre os radicais livres e podem evitar o dano das células prevenindo o câncer ou a formação de pequenos tumores.

Curiosidades!

Todos estes benefícios das pipocas de milho podem ser aproveitados somente se o milho for orgânico.

Se possível, devem ser preparadas em óleo de girassol ou de oliva, já que são gorduras muito fáceis de serem digeridas e com benefícios para a saúde.
E evite ao máximo aquelas preparadas com caramelo, queijo extra, queijo cheddar ou picante, assim como aquelas vendidas para o micro-ondas.

 Fonte: Melhor com Saúde

Padre Fábio de Melo diz que é pecado tê-lo como 'crush'.

É galera! Não é de hoje que o padre Fábio de Melo é cobiçado. E, pelo jeito, ele já conquistou vários corações. No começo da semana, o sacerdote até respondeu a cantada de uma fã em seu perfil do Instagram. Bem-humorado, ele explicou que não poderia ser o “crush” de uma admiradora e acabou com o sonho de milhares de fãs apaixonadas.


“Padre, é pecado o senhor ser meu crush?”, perguntou uma jovem. Com um print da “cantada”, o padre respondeu publicamente: “É sim”.
 

Parece que muitas fãs ficaram decepcionadas com a negativa de Fábio de Melo. Confira alguns comentários postados na rede social: “Padre, se você me der um beijo irei para o inferno feliz”, “Milhares de pecadoras no Brasil”, “Droga! ????”, “Peco todos os dias então ????”, “Acho q no meu caso o pecado é 10x pior”.
 

 

 O que é Crush? O padre Fábio de Melo contou, no Snapchat, que não sabia ainda o que significava o termo "crush", muito usado atualmente na internet. "Alguém pode me explicar?", questionou ele no aplicativo, que usa com frequência. Para quem não sabe, "crush" significa paquera, pretendente. E pelo visto, de acordo com o padre, é pecado tê-lo como crush.
 
Fonte: Momento Verdadeiro

Hitler tinha um micropênis e apenas um testículo, historiadores dizem

                                                 Hitler ao lado de Eva Braun

Você já deve ter ouvido falar que o famoso ditador nazista Adolf Hitler tinha apenas um testículo. Esse boato é antigo.

Agora, historiadores dizem que ele não só é verdade, como foi contado pela metade: além de disso, Hitler também tinha um “pênis pequeno e deformado”.

O Último Dia de Hitler

Há muito tempo se suspeita de que a ira de Hitler e sua vontade de conquistar o mundo eram uma tentativa de compensar sua falta de potência em outro lugar.

Agora, os historiadores Jonathan Mayo e Emma Craigie clamam, em seu livro “O Último Dia de Hitler: Minuto a Minuto”, que o carrasco sofria de uma condição chamada hipospádia, que o deixou com um pênis anormalmente pequeno.

Eles dizem ter descoberto registros médicos que confirmam a deformidade embaraçosa do Fuhrer. A condição é tão severa que os afetados precisam urinar a partir de um orifício na base do pênis, em vez de pela ponta.
Além disso, parece que Hitler realmente tinha apenas um testículo. 

Relatos contraditórios

A ideia de que Hitler tinha um micropênis é uma que agrada a muita gente, sejamos sinceros. Mas a vida sexual do ditador é uma bagunça de hipóteses, e é provável que nunca saberemos qual versão é a verdadeira.

Por exemplo, existem relatos de que Hitler supostamente tinha medo de ser visto nu. Também, em sua biografia de Hitler, o historiador britânico Ian Kershaw disse que o líder nazista austríaco repelia atividade sexual de qualquer tipo porque temia apanhar uma infecção.

No entanto, há evidências de que ele teve encontros românticos com uma série de mulheres, incluindo sua amante Eva Braun, com quem ele se suicidou em 30 de abril de 1945. Um biógrafo alemão, Heike Görtemaker, tem insistido que o casal desfrutou de uma vida sexual feliz e saudável.

E ainda existem os relatos atribuídos ao médico pessoal de Hitler, Theodor Morell. É dito que ele diagnosticou o Fuhrer com hipospádia e prescreveu hormônios e anfetaminas em uma tentativa de melhorar o seu desejo sexual. [TheTelegraph]

Fonte: http://hypescience.com/ por Natasha Romanzoti

terça-feira, 23 de fevereiro de 2016

Novo vírus no WhatsApp rouba informações pessoais; veja como se prevenir

Você usa muito o WhatsApp? Então é melhor tomar cuidado para não cair em novo golpe que anda circulando peloaplicativo de mensagens. Esse vírus coleta informações pessoais dos usuários e pode utilizá-las para compras e contratação de serviços pagos. Quem faz o alerta é a Kaspersky, uma das maiores empresas especializadas em softwares de segurança e antivírus do mundo.


Vírus no celular

Nesse novo golpe, o usuário do WhatsApp recebe um convite para usar um recurso de chamada em vídeo no aplicativo, que na realidade não existe. Ao clicar no link recebido, uma nova página aberta pede informações pessoais e número de telefone. Ao inclui-los, o usuário fornece dados suficientes para que pessoas mal-intencionadas façam cadastros em serviços pagos e até mesmo compras.

                                      


Falso convite para videochamada é vírus

Como se prevenir

O vírus pede que os usuários repassem o convite a dez contatos de suas agendas, o que faz com ele se espalhe mais rapidamente. Portanto, ao receber um link suspeito, não abra e pergunte imediatamente à pessoa que enviou do que se trata.


Fonte: Bolsa de Mulher

EUA investigam 14 possíveis casos de infecção do Zika por relação sexual.

As autoridades sanitárias dos Estados Unidos informaram hoje (23) que estão investigando 14 casos de infecção de vírus Zika no país que podem ter sido transmitidos por via sexual. Dois dos casos são de mulheres cuja infecção foi confirmada e que não viajaram para países afetados pela epidemia da doença.


O único fator de risco conhecido permanece na transmissão sexual, porque os seus parceiros visitaram as regiões afetadas, explicou, em comunicado, o Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) norte-americano. Os homens estão sendo examinados para determinar se estão infectados pelo vírus.

Em outras quatro mulheres, os resultados preliminares dos testes também confirmaram infecção com o vírus e o CDC aguarda os resultados dos exames feitos em mais oito mulheres. O CDC informou, há algumas semanas, um caso de possível transmissão por via sexual no Texas.

A Organização Mundial de Saúde (OMS) alertou que a epidemia poderá afetar entre 3 milhões e  4 milhões de pessoas no continente americano. O Brasil e a Colômbia são os países onde se registram mais casos de infectados e de suspeitos.

A OMS determinou que o surto do vírus Zika constitui uma emergência sanitária de alcance internacional.

O vírus é transmitido aos seres humanos pela picada de mosquitos Aedes aegypti infectados e está associado a complicações neurológicas e malformações em fetos. A mesma espécie de inseto também é responsável pela transmissão da dengue e da Chikungunya.

Fonte: Agência Lusa / Via Momento Verdadeiro

Facebook afeta o cérebro de forma semelhante à cocaína, revela estudo

Um estudo revelou que o Facebook afeta o cérebro de uma forma semelhante às drogas, como a cocaína, por exemplo.

Cerca de 11% das pessoas sofrem de alguma forma de dependência relacionada à tecnologia. O Professor Ofir Turel, da Universidade Estadual da Califórnia, em Fullerton, EUA, monitorou cérebros de 20 participantes da pesquisa e descobriu que o sistema “amígdala-corpo estriado”, envolvido no vício em drogas, foi atingido nas pessoas quando viam imagens relacionadas ao Facebook.

Mas, segundo o professor, é mais fácil acabar com o vício na rede social do que com o da droga. Ele disse: “O sistema impulsivo pode ser comparado com o acelerador de um carro,

enquanto o sistema inibitório pode ser comparado a um freio. Nos vícios existe uma aceleração muito forte ligada ao sistema impulsivo, muitas vezes relacionada a um sistema inibidor em mau funcionamento”.


Estudo liderado pelo Professor Ofir Turel revelou que o Facebook afeta o cérebro de uma forma semelhante às drogas, como a cocaína, por exemplo. Foto: Getty

Todos os voluntários eram usuários do Facebook, e tiveram que apertar botões quando viam imagens relacionadas à rede social e sinais de trânsito.

Eles responderam a estímulos do Facebook de forma mais veloz que aos sinais de trânsito, o que foi considerado assustador para Turel.

O professor relatou que os participantes dos testes podem, com isso, responder a uma mensagem de Facebook pelo celular antes de reagir às condições de tráfego, caso estejam usando a tecnologia enquanto dirigem.

A boa notícia é que o sistema inibitório, que também tem ligação ao vício das drogas, não foi afetado. Assim tal comportamento pode ser corrigido com tratamento.

Fonte: Metro
Via Josiel Dias

Será que mulheres podem ter orgasmos com o cheiro deste cogumelo?

Será que existe mesmo um fungo que dá às mulheres orgasmos espontâneos com o seu aroma? Uma destemida investigadora decidiu descobrir.



Uma pesquisa publicada em 2001 sugeriu que um cogumelo selvagem existente no Havaí, Estados Unidos, teria poderes sexuais. Entretanto, o mais estranho de tudo é o fato de que desde aquela época ninguém tenha voltado ao local para repetir o experimento.

Isso mudou esta semana quando Christie Wilcox, da revista Discover, foi até a área onde o suposto cogumelo cresce. Ela não teve um orgasmo, mas o fungo realmente teve efeitos poderosos.

Wilcox disse, “Eu acho que se tivesse que dar um nome ao cheiro, o mais próximo que eu poderia usar para descrevê-lo é sêmen, mas não do tipo de fluído biológico saudável de um doador masculino — seria mais como um sêmen fermentado, em decomposição. Ou um sêmen fétido, doente. Talvez ele possa ser descrito como o cheiro que o sêmen de um zumbi teria”.

Ela disse que ele parecia causar pelo menos um dos sintomas descritos no estudo - frequência cardíaca elevada.

"O meu coração ficou disparado. Mesmo depois de dez minutos eu me sentia enjoada, fraca, e levemente sem fôlego.”

O pesquisador John Halliday decidiu fazer o experimento depois de ter ouvido, junto com seus colegas, a respeito de um fungo estranho que crescia em campos de lava no Havaí e supostamente teria o poder de levar as mulheres ao clímax.

Em 2001, ele e seus colegas embarcaram em um avião para investigar, e fizeram o teste com 16 mulheres. Seis delas tiveram orgasmos ao cheirar o cogumelo.

Os homens simplesmente disseram que o fungo “tinha um odor fétido”. Trata-se de um primo de um cogumelo selvagem que cresce no Reino Unido, cujo odor lembra o de carne em decomposição.

Halliday e seus colegas concluíram que os “compostos semelhantes a hormônios presentes […] podem ter alguma similaridade com neurotransmissores humanos liberados durante as relações sexuais.”


segunda-feira, 22 de fevereiro de 2016

‘Homem-árvore’ passa por 1ª operação para retirada de sua ‘casca’ e passa bem

O jovem de 26 anos Abul Bajandar, conhecido como “homem-árvore” em Bangladesh, passou pela primeira intervenção cirúrgica ontem domingo (21) e passa bem, informaram as agências de notícias internacionais.

 Abul retirou as verrugas de apenas uma das mãos; falta a outra e dois pés. (Getty Images)


Ele foi operado no Hospital Universitário de Daca, a principal instituição de saúde pública do pequeno e populoso país. Segundo informações do coordenador Samanta Lal Sen à EFE, o processo demorou três horas e só tratou de sua mão direita.

Bajandar desenvolveu verrugas que mais parecem uma casca de árvore. Restam ainda a outra mão e os dois pés.

“A primeira operação foi um sucesso. Agora, temos que fazer testes e análises para continuar operando o resto de suas extremidades dentro de três semanas”, afirmou à agência o médico responsável pelo processo, que também fez questão de adiantar que o paciente está bem “e sorri”.

O rapaz, que vive em uma pequena aldeia na cidade de Khulna, começou a perceber as verrugas há pelo menos dez anos e, com o passar dos anos, precisou deixar de usar as mãos para realizar suas atividades. Em janeiro, ele foi internado.

O fenômeno no corpo de Bajandar é a epidermodisplasia verruciforme, uma doença ainda muito pouco estudada. Rara e sem cura, a deformidade é tratada a fim de proporcionar um alívio ao paciente, melhorar sua condição e tentar conseguir com que suas mãos e pés voltem a ser funcionais.

Ex-motorista, o homem tem uma filha de três anos e é casado, mas precisou abandonar o emprego em função da doença. Atualmente, desempregado, ele pede esmolas na rua.