terça-feira, 17 de janeiro de 2017

6 óleos para potencializar o crescimento saudável do cabelo

Para conseguir os melhores resultados em nosso cabelo é fundamental obter óleos da melhor qualidade, e na medida do possível, optar pelos orgânicos.

 
Ter uma cabeleira longa e abundante é o sonho de muitas mulheres. O problema acontece quando o cabelo não cresce o suficiente ou se torna fino, frágil e sem vida.


Há muitos fatores que podem deteriorar seu cabelo. Dentre os mais comuns podemos encontrar:
  • A má alimentação
  • O estresse
  • A má irrigação sanguínea
  • A falta de oxigenação
  • A obstrução dos poros e capilares do cabelo

Se você torrou suas economias em tratamentos comerciais caros e não viu resultados, trazemos uma boa notícia: existe uma forma natural de melhorar a qualidade do cabelo com a aplicação de óleos.

6 óleos que favorecem o crescimento do cabelo

Alguns destes óleos naturais têm propriedades que podem fazer maravilhas pelo seu cabelo. A seguir, conheça os 6 óleos que podem melhorar a saúde dos cabelos.

Óleo de coco

Um dos óleos mais usados para o cabelo é o óleo de coco. Suas propriedades são conhecidas desde a antiguidade, quando era usado para limpar, proteger e nutrir o cabelo.
Sua composição química nutre a membrana celular capilar.


Isso permite que o óleo de coco ajude a evitar a perda de proteínas e repor os óleos naturais que se perdem com a exposição diária às toxinas e às lavagens frequentes.

2. Azeite de oliva

O azeite de oliva é outro dos tesouros que trazem muitos benefícios quando usados no cabelo.
Seu hormônio di-hidrotestosterona (DHT) reduz o folículo piloso, e por isso ajuda a prevenir a calvície masculina.


Além disso, por ser um óleo carregado de antioxidantes, promove o crescimento normal do cabelo, libera a pele dos radicais livres e oferece nutrientes aos folículos pilosos e ao couro cabeludo.

3. Óleo de rícino

 

O óleo de rícino costuma ser usado como um laxante natural. Porém, também é muito eficaz para tratar a perda de cabelo.

  • Este óleo é rico em ácido ricinoleico e ácidos graxos ômega 9.
  • O ácido ricinoleico estimula o crescimento do cabelo e tem propriedades anti-fúngicas e antibacterianas, o que protege o couro cabeludo de infecções.
  • Por sua vez, os ácidos graxos ômega 9, graças à sua capacidade de umectação, hidratam e nutrem o cabelo deixando-o grosso, forte e brilhante.

3. Óleo de lavanda

 

O óleo de lavanda é muito conhecido por seu aroma, que serve para tratar o estresse, a angústia e a insônia.

Porém, também é um potente tratamento contra a alopecia areata. As propriedades do óleo de lavanda favorecem o crescimento do cabelo quando ele é usado de forma regular.


Este óleo também é um poderoso antisséptico. Suas propriedades desinfetantes servem para tratar problemas do couro cabeludo e para combater fungos, micróbios e vírus.


5. Óleo de amêndoas

O óleo de amêndoas tem uma grande capacidade para proteger e hidratar o cabelo.

Ainda que não seja conhecido por suas propriedades para fazer o cabelo crescer, ele protege e estimula o crescimento dos folículos pilosos, de modo que os torna mais fortes e menos suscetíveis a rupturas.

Uma massagem no cabelo com óleo de amêndoas elimina a acumulação de células mortas e desinflama o couro cabeludo.

Além disso, o óleo de amêndoas é muito eficaz para tratar a dermatite seborreica.

As pessoas que são alérgicas a frutos secos devem ter cuidado ao usá-lo, pois pode causar alguma reação alérgica na pele.

6. Óleo de alecrim

O óleo de alecrim tem excelentes propriedades que ajudam no crescimento do cabelo.

Ajuda a dilatar os vasos sanguíneos e estimula a divisão celular, o que ativa os folículos pilosos para que nasçam cabelos novos.

Suas propriedades desinfetantes ajudam a combater as bactérias e outros organismos que podem danificar tanto o cabelo quanto o couro cabeludo.

Além disso, também diz-se que este óleo inibe a perda de cabelo e a aparição dos cabelos brancos, ajuda a erradicar a caspa e hidrata o couro cabeludo seco e escamoso.

Como usar estes óleos para aproveitar todas as suas propriedades?

A forma de usá-los é:
  • Massagear o couro cabeludo com o óleo de sua preferência durante uns 10 minutos.
  • Depois disso, lavar como de costume.
  • Para um tratamento mais intensivo, combine vários óleos e proceda da mesma forma
Lembre-se de que, se você for constante, obterá excelentes resultados.
Você não só conseguirá fazer com que seu cabelo cresça, mas também poderá afastar os problemas comuns do couro cabeludo.

Fonte: Melhor com Saúde

Nenhum comentário:

Postar um comentário