sábado, 12 de agosto de 2017

É verdade que os canhotos são mesmo mais inteligentes?

Os canhotos já foram considerados um resultado de uma mente doentia e potencialmente criminosa. No século 19, o médico e fundador da Escola Italiana de Criminologia Positivista, Cesare Lambroso, desenvolveu a teoria patológica que associava a dominância do uso da mão esquerda à condutas perversas e pervertidas.

Os canhotos foram chamados de doentes, feiticeiros, muitos escondiam da sociedade que usavam a mão esquerda e outros se recondicionavam a utilizar a mão direita, contrariando o próprio impulso.

A teoria de Lombroso se espalhou pelo mundo ocidental. Seus reflexos se estenderem até o século 20, inclusive no Brasil. Onde o preconceito reinava e muitos canhotos eram reprimidos ao ponto de terem a mão esquerda amarrada para treinarem o uso da direita.


A estrutura do cérebro é dividido em dois hemisférios, o lado direito e o lado esquerdo. Cada hemisfério divide-se em quatro lóbulos: o frontal, o parietal, o occipital e o temporal. Os lóbulos frontais direito e esquerdo são responsáveis para resolução de problemas, organização de tarefas, incluindo a capacidade da fala, do movimento, assim como o controle das mãos.

O lado esquerdo do cérebro controla o lado direito do corpo, assim como o hemisfério cerebral esquerdo irá comandar o lado direito do indivíduo. Isso acontece de maneira generalizada. Mas não com os canhotos, o cérebro deles emitem controles e comandos diferentes de um destro.

Inclusive a maneira deles de raciocinar e processar informações é diferenciada. Até onde se estende essa diferença, de que maneira eles podem ser afetados e porque eles nascem ou se tornam canhotos, isso a ciência ainda tenta explicar.


Estima-se que 10% dos indivíduos sejam esquerdinos. Para um número muito maior de destros, os canhotos sofrem para se adaptar a um universo feito para a maioria, ou seja, os que usam a mão direita.

Estudos e pesquisas revelaram que esportistas canhotos podem apresentar um melhor desempenho que os destros. Por outro lado, a chance de canhotos de desenvolverem esquizofrenia e dislexia são maiores do que os que usam a mão direita.

Não há consenso sobre a origem dessa lateralidade. Mas há indícios científicos que apontam que essas característica pode ser transmitida por herança genética assim como pode ser desenvolvida por meio da aprendizagem. Assim, é muito comum que filhos de canhotos tornem-se canhotos também.


Uma vez que os canhotos pensam, processam e reproduzem as informações de uma maneira diferente da dos destros, seriam eles mais inteligentes?

Um estudo realizado pela Universidade de Illinois, nos Estados Unidos, descobriu que os canhotos tem uma criatividade muito aguçada. Assim como a capacidade de encontrar soluções diversas para um único problema, além de processarem todas as informações de uma maneira muito mais veloz.

Outra pesquisa realizada em conjunto pela Universidade de Milão, de Liverpool e de Maastricht aplicou um teste com mais de 2 mil pessoas de diferentes idades. O resultado mostrou que os canhotos se sobressaíam em habilidades matemáticas.

Nesse mesmo estudo, os cientistas entenderam que os esquerdinos tinham o hemisfério direito mais desenvolvido e que essa característica possivelmente lhes davam uma ajudinha especial nas percepções espaciais, assim como nas representações abstratas dos objetos.


Ainda há muito para ser pesquisado e compreendido no caso dos canhotos. No caso da inteligência talvez seja apenas uma questão de “inteligência diferenciada”, não que esteja acima ou abaixo, mas seja apenas diferente.

Todas as pessoas nascem com potenciais para serem explorados. Se uma pessoa for canhota e não tiver seus potenciais desenvolvidos, assim como um destro, nada surtirá efeito. Existem facilidades de aprendizagem. Mas para isso é necessário antes de tudo o aprendizado e o interesse em seguir desenvolvendo o cérebro, que precisa de treinos e estímulos constantes para atingir o seu potencial.

De qualquer maneira, seguem às especulações e os estudos a fim de resolver o mistério dos esquerdinos. O que sabemos definitivamente é que é muito mais fácil sermos destros do que canhotos. E que os canhotos são fruto de uma condição genética da humanidade.


Todas as imagens acima são de pessoas canhotas. Na ordem: Leonel Messi, Barack Obama, Jimi Hendrix e Pablo Picasso.

Se você gostou da matéria, não esqueça de deixar o seu comentário. Aproveite também para compartilha-la com seus amigos e familiares que são canhotos, eles provavelmente vão se interessar pela notícia.


Fonte(s) The New Yorker -Terra-Pijama Surf -Revista Galileu -Universo Canhoto-
Imagens Gorod - Allswalls -GQ - Universo Canhoto
Via Fatos Desconhecidos- por Ana Luiza Andrade

Nenhum comentário:

Postar um comentário